Meteorologia

  • 11 AGOSTO 2020
Tempo
21º
MIN 19º MÁX 26º

Edição

PSD quer audição urgente do ministro dos Negócios Estrangeiros

O Grupo Parlamentar do PSD quer esclarecimentos sobre a "exclusão de Portugal da lista de destinos seguros elaborada pelo governo britânico".

PSD quer audição urgente do ministro dos Negócios Estrangeiros

O Grupo Parlamentar do PSD entregou, esta sexta-feira, "um requerimento para que o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros", Augusto Santos Silva, seja ouvido no Parlamento para "todos os esclarecimentos" sobre a decisão do governo britânico de excluir "Portugal da lista de destinos seguros".

Além disso, o PSD quer ainda explicações sobre "as restrições e limitações que têm sido impostas por outros Estados à entrada de passageiros oriundos de voos com origem em Portugal".

No documento, referem os social-democratas em comunicado enviado às redações, o PSD considera que a decisão do Reino Unido de excluir Portugal "é uma decisão que tem um enorme impacto para a recuperação do setor do turismo em Portugal tendo em conta que no ano passado os turistas britânicos representaram cerca de 20% do total de dormidas de não residentes".

"A exclusão de Portugal desta lista tem grandes consequências económicas e sociais para ambos os países, tendo também em conta a importante comunidade britânica a residir em Portugal e que, obviamente, beneficiaria da possibilidade de se deslocar para o Reino Unido sem necessidade de observar um período de quarentena", refere o grupo parlamentar 'laranja', sustentando que "nem mesmo a possibilidade, já avançada por um porta-voz do governo britânico, de um turista britânico poder ir de avião para Espanha e depois de carro para Portugal, gozar as suas férias, e depois voltar ao seu país pela mesma via, parece atenuar os efeitos negativos desta decisão do Governo britânico em relação ao nosso país".

Esta sexta-feira, e como foi antecipado nos últimos dias, o Ministério dos Transportes britânico confirmou, uma nota publicada na página oficial, que excluiu Portugal dos "corredores de viagem internacionais" com destinos turísticos que o Reino Unido vai abrir para permitir aos britânicos passarem férias sem cumprir quarentena no regresso.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório