Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2021
Tempo
22º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Deputado do PSD apela: "Cancelem tudo e fiquem em casa"

O vice-presidente da bancada do PSD Ricardo Baptista Leite fez hoje um apelo dramático aos portugueses para que "cancelem tudo e fiquem em casa", salientando que este "não é tempo de debate político", mas de união.

Deputado do PSD apela: "Cancelem tudo e fiquem em casa"
Notícias ao Minuto

11:10 - 13/03/20 por Lusa

Política Covid-19

"Deixo um apelo a todos os portugueses, cancelem tudo: cancele a festa, cancele a saída, cancele a praia, cancele a conferência, cancele o casamento, o batizado, a festa de despedida de solteiro, cancele tudo e fique em casa, quando ficar em casa está a atrasar o coronavírus", afirmou, numa intervenção no debate de atualidade, requerido pelo CDS-PP, sobre a resposta do país ao Coronavírus - COVID 19, e que no final foi aplaudida pela sua bancada, pela do CDS-PP e também por alguns deputados do PS.

O também médico considerou que "Portugal está em estado de guerra contra o novo coronavírus".

"Este não é o tempo de debate ou de avaliação política, é o tempo todos nós nos unirmos, apoiar de forma clara todas as medidas difíceis anunciadas ontem pelo Governo", afirmou, salientando que "a única vacina" contra o coronavírus "é a informação e o conhecimento".

O deputado social-democrata assegurou que o PSD dará "todo o apoio ao Governo", incluindo na compra de ventiladores disponíveis no mercado, apontando que Portugal dispõe atualmente de 14.000 camas com esse equipamento e poderá vir a precisar de 20.000.

Baptista Leite defendeu ainda a realização de mais testes, de compra de mais equipamentos individuais e que se coloquem os 3.000 estudantes de Medicina a apoiar pelo menos o atendimento telefónico sobre o novo coronavírus.

A líder parlamentar do PS, Ana Catarina Mendes, concordou que este não é o tempo de "querela partidária" e enalteceu "o grande consenso parlamentar" que foi possível alcançar em relação às medidas anunciadas na quinta-feira à noite e esta madrugada pelo Governo.

"Hoje o que se exige é que enalteçamos as medidas que foram tomadas ontem, são medidas que podem até prejudicar o quotidiano de cada um de nós, mas são absolutamente essenciais, e são proporcionais ao momento que vivemos hoje", defendeu, apelando, por outro lado, a uma resposta coordenada a nível europeu.

"A Europa não pode voltar a falhar como falhou noutras crises, tem de estar unida, coesa e solidária nas nossas respostas", avisou.

A presidente da bancada socialista deixou também um apelo individual a cada português: "Cada um de nós, cada família deve ter o seu plano de contingencia (...) Mais do que nunca precisamos de solidariedade, coesão e responsabilidades de todos", afirmou.

O número de casos confirmados em Portugal de infeção pelo novo coronavírus, que causa a doença Covid-19, subiu hoje para 112, mais 34 do que os contabilizados na quinta-feira, e os casos suspeitos duplicaram para 1.308.

Segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS), dos 1.308 casos suspeitos, 172 aguardam resultado laboratorial.

Há ainda 5.674 contactos em vigilância pelas autoridades de saúde.

Entre as medidas anunciadas pelo Governo, destaca-se a suspensão de todas as atividades letivas presenciais, a partir de segunda-feira, nas escolas de todos os graus de ensino e a declaração do estado de alerta em todo o país, colocando os meios de proteção civil e as forças e serviços de segurança em prontidão.

A restrição de funcionamento de discotecas e similares, a proibição do desembarque de passageiros de navios de cruzeiro, exceto dos residentes em Portugal, a suspensão de visitas a lares em todo o território nacional e o estabelecimento de limitações de frequência nos centros comerciais e supermercados para assegurar possibilidade de manter distância de segurança foram outras das medidas aprovadas.

Já tinham sido tomadas outras medidas em Portugal para conter a pandemia, como a suspensão das ligações aéreas com a Itália.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório