Meteorologia

  • 28 JANEIRO 2020
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

"Justiça é demasiado importante para passarmos por alto sobre os erros"

Porfírio Silva, deputado do PS, escreveu sobre a justiça em Portugal numa publicação no Facebook.

"Justiça é demasiado importante para passarmos por alto sobre os erros"

Porfírio Silva escreveu um texto no Facebook em que faz um comentário à justiça e aos tribunais portugueses. O deputado do Partido Socialista (PS) começa por referir que não alinha em "críticas fáceis aos tribunais", porque "é fácil fazer juízos precipitados e mal informados sobre este ou aquele processo, com base em informações incompletas e fragmentárias, muitas vezes divulgadas de forma parcelar e parcial".

Assim, continua, procura "evitar juízos rápidos sobre o trabalho de um tribunal concreto num caso concreto".

Sem nunca fazer uma menção direta à tragédia do Meco onde seis alunos perderam a vida em 2013 - que originou uma condenação ao Estado português por parte do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem, conhecida ontem -, Porfírio Silva diz que, contudo, acredita "que, quando o escrutínio sério e metódico de outro tribunal evidencia que houve falha, mau procedimento, incompetência ou incapacidade de fazer justiça, então é preciso que existam consequências para os responsáveis dessas falhas".

"Não é nenhum desejo de vingança contra este ou aquele. É que a justiça é demasiado importante nas nossas vidas para passarmos por alto sobre os seus erros. A justiça é demasiado importante para as nossas vidas individuais e para a nossa vida em sociedade", destaca o deputado.

"Assim, quando, por exemplo, um tribunal internacional condena o funcionamento da nossa justiça - em casos concretos, não em abstrato - convém que haja uma resposta para a questão: quais vão ser as consequências?", questiona, acrescentando que não basta "pagar a quem foi atingido" uma vez que o "dinheiro não paga tudo".

"É mais do que isso: quem assume responsabilidades? As suas responsabilidades...", deixa no ar. 

Leia Também: Estado condenado a pagar indemnização a pai de jovem que morreu no Meco

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório