Meteorologia

  • 02 ABRIL 2020
Tempo
15º
MIN 7º MÁX 19º

Edição

Rio anunciou que PSD vai votar contra OE2020 na generalidade

A decisão não surpreende, até porque o líder dos sociais-democratas já tinha dado a entender que votaria contra a proposta do Orçamento do Estado do Governo.

Rio anunciou que PSD vai votar contra OE2020 na generalidade

Rui Rio anunciou esta terça-feira que o PSD vai votar contra o Orçamento do Estado para 2020 na generalidade, revela a RTP. O anúncio foi feito no Parlamento no encerramento das Jornadas Parlamentares do PSD. A decisão de votar contra a proposta do Governo para o OE2020 não surpreende. Rui Rio já tinha dado a entender o seu sentido de voto e tem feito várias críticas ao Orçamento delineado pelo ministro das Finanças, Mário Centeno

E durante a explicação do sentido de voto dos sociais-democratas, Centeno voltou a estar na mira das críticas de Rio. 

"Este orçamento é real ou fictício?", questionou o presidente do PSD. "Este orçamento não tem uma linha estratégica, tem uma tática", frisou Rui Rio, antes de fazer uma previsão de uma eventual mudança no Governo em 2020. 

"Os quatro Orçamentos até aqui foram elaborados para agradar à Esquerda e executados para agradar a Bruxelas. Este Orçamento é apresentado para agradar à Esquerda e será executado para agradar a Bruxelas se Mário Centeno cá ficar o tempo todo, porque o que acho é que ele não vai cá ficar o ano todo", salientou o líder do PSD. "A perceção que tenho é que este Orçamento poderá ser executado por um protagonista diferente daquele que foi nos últimos quatro anos".

Antes de anunciar o seu sentido de voto, Rio realçou que a prioridade do PSD é a redução da carga fiscal. "Uma redução brutal da carga fiscal é simplesmente impossível, aquilo que pretendemos é que se vá reduzindo de Orçamento em Orçamento. A redução da carga fiscal não pressupõe a redução da receita fiscal. A receita fiscal tem de subir sempre", fez notar. 

A proposta de Orçamento do Estado para 2020 será votada na generalidade na sexta-feira - não tendo ainda viabilização garantida -, na véspera das eleições diretas para a liderança do PSD, que Rio disputa com o antigo líder parlamentar Luís Montenegro e o atual vice-presidente da Câmara de Cascais Miguel Pinto Luz.

[Notícia atualizada às 18h33]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório