Meteorologia

  • 16 DEZEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Costa reúne-se com presidente do Parlamento Europeu na terça-feira

O primeiro-ministro português, António Costa, vai reunir-se na terça-feira com o presidente do Parlamento Europeu, David Sassoli, à margem da sessão plenária da assembleia europeia em Estrasburgo, França, foi hoje anunciado.

Costa reúne-se com presidente do Parlamento Europeu na terça-feira
Notícias ao Minuto

10:43 - 22/11/19 por Lusa

Política António Costa

Além da reunião com Sassoli, o chefe de Governo terá também um jantar de trabalho, na segunda-feira à noite, com a presidente eleita da Comissão Europeia, menos de 48 horas antes de o colégio de Ursula von der Leyen ser votado pela assembleia europeia, e reuniões com os líderes dos principais grupos políticos no PE, indicou à Lusa fonte do gabinete do primeiro-ministro.

Estas reuniões, à margem da sessão plenária que terá lugar entre segunda e quinta-feira em Estrasburgo, realizam-se já no quadro dos preparativos da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia no primeiro semestre de 2021, e com o novo ciclo institucional da União como pano de fundo, acrescentou a mesma fonte.

A reunião com Sassoli terá lugar na terça-feira pelas 10:45 (hora local, menos uma Lisboa), no gabinete do presidente do Parlamento Europeu, naquele que é o primeiro encontro entre ambos desde a eleição do italiano para a presidência da assembleia, na sequência das eleições europeias de maio passado, e da reeleição do chefe de Governo português, nas legislativas de outubro.

Costa chegará a Estrasburgo na segunda-feira à tarde, oriundo de Paris, tendo previstos encontros nesse dia na assembleia europeia com os líderes das bancadas do S&D (Socialistas e Democratas, na qual está integrada a delegação do PS), do Partido Popular Europeu (PPE) e do Renovar a Europa, as três principais famílias políticas europeias, e no dia seguinte também tem agendado um encontro com os co-presidentes dos Verdes europeus.

Na segunda-feira à noite, em Estrasburgo, António Costa terá um jantar de trabalho a sós com Ursula von der Leyen, que deverá assumir funções na semana seguinte (01 de dezembro), se, como tudo o indica, o Parlamento Europeu aprovar a sua equipa de comissários na votação agendada para o final da manhã de quarta-feira.

A votação surge depois de o Parlamento Europeu ter dado por concluído, esta semana, o processo de audições aos comissários designados, um processo mais demorado do que inicialmente previsto, já que três Estados-membros tiveram de apresentar novos nomes para o colégio, depois de a assembleia ter rejeitado os primeiros nomes apontados por França (Sylvie Goulard), Hungria (László Trócsányi) e Roménia (Rovana Plumb).

Tal reprovação levou a um atraso no início de funções da Comissão Von der Leyen, forçando o atual executivo de Jean-Claude Juncker a prolongar o seu mandato por um mês.

Na semana passada, a assembleia europeia procedeu às audições dos novos comissários designados por Paris, Budapeste e Bucareste, acabando por dar "luz verde" aos novos nomes apresentados, respetivamente Thierry Breton (Mercado Interno), Olivér Várhelyi (Política de Vizinhança e o Alargamento) e Adina Valean (Transportes).

Ausente deste colégio de comissários está o Reino Unido, que se negou até ao momento a apresentar um nome devido às eleições legislativas britânicas do próximo mês.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório