PSD prepara expulsão de quase 400 militantes

A última palavra cabe ao conselho de jurisdição nacional do PSD, sendo que, ao que apurou o jornal Público, 396 militantes que estiveram envolvidos em candidaturas às autárquicas adversárias vão ser expulsos pela violação dos estatutos do partido. Mas, acrescenta o jornal, outros tantos poderão vir a seguir o mesmo caminho.

© DR
Política Autárquicas

As eleições autárquicas foram há precisamente um mês e um dia, as tomadas de posse dos vencedores já foram realizadas, mas agora chegam as consequências. O jornal Público conta hoje que o PSD se prepara para expulsar 396 militantes por se terem envolvido em candidaturas adversárias às do próprio partido.

PUB

Algo que, conforme pode ler-se nos estatutos do partido, conduz à expulsão: “Cessa a inscrição no partido dos militantes que se apresentem em qualquer acto eleitoral nacional, regional ou local, na qualidade de candidatos, mandatários ou apoiantes de candidatura adversária da que foi apresentada pelo PPD/PSD”.

A “suspensão é automática e imediata de todos os direitos e deveres de militante, desde o momento da apresentação da candidatura até ao trânsito da decisão final” que, refere o jornal Público, será tomada pelo conselho de jurisdição nacional do PSD.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser