Meteorologia

  • 16 OUTUBRO 2019
Tempo
19º
MIN 13º MÁX 21º

Edição

Azeredo Lopes devia sair? "Penso que sim. Não tem condições”

Santana Lopes defende que, ao recordar o que o ministro da Defesa tem proferido, "não acreditamos que ele esteja ainda em funções”.

Azeredo Lopes devia sair? "Penso que sim. Não tem condições”

Azeredo Lopes deve sair? “Penso que sim, com franqueza. Não tem condições”. É desta forma perentória que Pedro Santana Lopes responde, no espaço de frente a frente com Carlos César na antena da SIC Notícias, relativamente à legitimidade que o ministro da Defesa Nacional tem, ou não, para se manter no cargo depois do alegado depoimento de Vasco Brazão. Recorde-se que o major o incrimina, garantindo que este tinha conhecimento no encobrimento em Tancos.

Diz ainda o fundador do partido Aliança que para avaliar se o ministro esteve à altura dos acontecimentos basta analisar “o que ele disse e não disse ao longo deste processo todo”. Tecendo uma retrospetiva, “quando lemos tudo o que ele disse, não acreditamos que ele esteja ainda em funções”.

Para o antigo primeiro-ministro, bastava a seguinte citação de Azeredo Lopes: “Só soube disto quando a generalidade dos portugueses soube”. O Ministério da Defesa Nacional é, como esclarece Santana Lopes, “o local onde parte das informações da República tem uma preponderância maior”. E “se há ministro que lida com o sistema de informações que se quer eficiente é o da Defesa Nacional. O que ele soube quando o resto dos portugueses soube é muito grave, são serviços sob a sua alçada”, defende.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório