Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2018
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 17º

Edição

Tancos: Rui Rio diz que "Governo não tem mais respostas para dar"

O presidente do PSD, Rui Rio, defendeu este domingo que o país tem de exigir ao Ministério Público que rapidamente faça a "acusação correta" no caso de Tancos, considerando o Governo "incapaz de dar mais respostas" sobre o caso.

Tancos: Rui Rio diz que "Governo não tem mais respostas para dar"
Notícias ao Minuto

14:17 - 09/09/18 por Lusa

Política PSD

Na sua intervenção no encerramento da Universidade de Verão do PSD, que se estendeu por mais de 50 minutos, Rui Rio apontou o caso das armas roubadas - e em parte recuperadas - do paiol de Tancos há mais de um ano como um "exemplo da degradação dos serviços públicos" pela qual responsabilizou o Governo, sobre o qual disse querer tirar uma conclusão "politicamente correta e outra quiçá mais incorreta".

"Politicamente está provado que o Governo foi incapaz e não tem respostas para dar, é incapaz nesta matéria, ponto final parágrafo. Podemos e devemos continuar a perguntar, mas eles não vão responder porque não sabem mesmo", afirmou.

Por isso, defendeu, "o país tem de exigir" as respostas do ponto de vista judicial e apelou ao Ministério Público para que "faça rapidamente a investigação e diga o que se passou".

"Porque há coisas muito mais complicadas de investigar do que isto e já vai para lá do tempo, eu não disse tudo o que sei. Não há meio de vir a público a acusação correta, que deve ser feita para que o país saiba da irresponsabilidade política, para responsabilizar quem verdadeiramente fez o que fez e quem está por trás de tudo isso", afirmou.

Dizendo que o caso pode "ser muito mais complexo" do que parece à primeira vista, Rio começou por utilizar a ironia para descrever o roubo de material de guerra em Tancos.

"Afinal, em Portugal consegue-se roubar material militar da mesma forma que se consegue entrar num jardim para roubar umas galinhas", criticou, lembrando as incoerências ao longo do último ano sobre o material roubado e as divergências no processo entre a Polícia Judiciária Militar e a Polícia Judiciária.

Rui Rio recorreu mesmo a um célebre 'sketch' humorístico do falecido ator Raul Solnado sobre a ida à guerra para descrever a situação: "Os gatunos chegaram à guerra e estava fechada, aproveitaram para levar o que levaram", gracejou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório