Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 9º MÁX 18º

Edição

Eutanásia? Legalização é a "decisão mais grave" que deputados podem tomar

O ex-Presidente da República quebrou o silêncio sobre um tema que tem dominado a atualidade informativa dos últimos dias e fez, aliás, um apelo aos deputados para que votem contra a legalização da eutanásia.

Eutanásia? Legalização é a "decisão mais grave" que deputados podem tomar

Cavaco Silva está contra a legalização da eutanásia e não esconde. Depois de meses remetido ao silêncio sobre questões políticas, o ex-Presidente da República decidiu agora, numa declaração exclusiva à Rádio Renascença, exprimir a sua opinião sobre o tema que será discutido no Parlamento na próxima terça-feira.

Para o antigo Chefe de Estado, a legalização da eutanásia é mesmo “a decisão mais grave” que os deputados podem tomar e por essa razão, admite que não irá votar, nas legislativas do próximo ano, em partidos que venham a apoiar a legalização da morte medicamente assistida.

“Como cidadão o que posso fazer para manifestar a minha discordância é fazer uso do meu direito ao voto contra aquelas que votarem a favor da eutanásia”, disse o ex-líder do PSD em entrevista à rádio Renascença, adiantando que vai mesmo explicar àqueles que lhe “são próximos para fazerem a mesma coisa”.

Recorde-se que a legalização da eutanásia será discutida no Parlamento na próxima terça-feira. Em debate estão projetos do Bloco de Esquerda, do PAN, dos Verdes e do PS.

[Notícia em atualização]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório