Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2018
Tempo
22º
MIN 21º MÁX 23º

Edição

Hugo está a caminho. Sete distritos do continente sob aviso laranja

Sete distritos do continente vão estar no sábado sob aviso laranja devido à previsão de agitação marítima forte, segundo o Instituto Português do mar e da Atmosfera (IPMA). Esta situação de mau tempo deve-se à passagem da depressão Hugo.

Hugo está a caminho. Sete distritos do continente sob aviso laranja
Notícias ao Minuto

10:58 - 23/03/18 por Lusa

País IPMA

De acordo com o IPMA, os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa vão estar entre as 06h00 e as 18h00 de sábado sob aviso laranja devido à previsão de ondas de noroeste com 5 a 6 metros, podendo atingir os 10/12 metros de altura máxima.

O aviso laranja, o segundo mais grave de uma escala de quatro, indica uma situação meteorológica de risco moderado a elevado.

O IPMA emitiu também aviso amarelo para toda a costa portuguesa até às 21h00 de sábado devido à previsão de ondas de noroeste com 4 a 4,5 metros.

O Instituto colocou também sob aviso amarelo os distritos de Viana do Castelo, Porto, Braga, Aveiro, Vila Real, Bragança, Guarda, Viseu, Coimbra, Leiria, Lisboa e Castelo Branco devido à previsão de vento forte com rajadas de 80 quilómetros por hora, podendo atingir os 95 quilómetros nas terras altas entre as 18h00 de hoje e as 15h00 de sábado.

O aviso amarelo é emitido sempre que há situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Esta situação de mau tempo deve-se à passagem da depressão Hugo, que está centrada a noroeste do arquipélago dos Açores e em deslocamento para leste.

De acordo com o IPMA, esta depressão afetará de forma mais direta o norte de Espanha.

"Com a passagem de um sistema frontal associado a esta depressão prevê-se para Portugal continental, ocorrência de precipitação e intensificação do vento no litoral e nas terras altas a partir da tarde de hoje e até meio da tarde de sábado.

No sábado é esperado um aumento da agitação marítima em toda a costa ocidental do continente, com ondas com 4 a 5 metros, que poderão temporariamente atingir os 06 metros no litoral a norte do Cabo da Roca.

Segundo o Instituto, a influência desta depressão em Portugal será sentida também em algumas das zonas marítimas de responsabilidade nacional.

O IPMA prevê para hoje nas regiões do Norte e Centro do continente céu muito nublado, períodos de chuva fraca, tornando-se moderada a partir do final da tarde e passando a regime de aguaceiros no final do dia e queda de neve acima de 1400/1600 metros a partir da tarde, descendo gradualmente a cota para 800/1000 metros, podendo atingir 600/800 metros no extremo norte.

A previsão aponta ainda para vento fraco a moderado de sudoeste, tornando-se a partir do meio da tarde, moderado a forte, com rajadas até 70/80 quilómetros por hora no litoral, e forte, com rajadas até 95 quilómetros por hora, nas terras altas, rodando para noroeste no final do dia e subida da temperatura mínima e descida da máxima e neblina ou nevoeiro matinal.

Na região Sul prevê-se céu geralmente muito nublado, períodos de chuva fraca a partir do meio da manhã, temporariamente moderada no final do dia, vento fraco a moderado do quadrante oeste, tornando-se a partir do final da tarde, moderado a forte, com rajadas até 70 quilómetros por hora, no litoral, e forte, com rajadas até 85 quilómetros por hora, nas terras altas.

Está ainda previsto uma pequena subida da temperatura mínima e neblina ou nevoeiro matinal.

As temperaturas mínimas vão variar entre 1 grau (na Guarda) e os 9 graus (em Lisboa e no Porto) e as máximas entre 9 (na Guarda) e os 17 (em Faro e em Santarém).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório