Meteorologia

  • 18 SETEMBRO 2018
Tempo
27º
MIN 23º MÁX 29º

Edição

Documentário compara turismo ao terramoto que devastou Lisboa

A mensagem transmitida é a de que o turismo traz também malefícios à cidade lisboeta.

Documentário compara turismo ao terramoto que devastou Lisboa

Lisboa está a ser vítima de um novo terramoto. Desta vez não se trata de uma tragédia de origem natural, mas sim de origem turística.

Por outras palavras, o documentário ‘Terramotourism’ realizado pelo coletivo Left Hand Rotation que está estabelecido em Lisboa desde 1992, quer mostrar que o turismo está a destruir de alguma forma a essência lisboeta.

A título de exemplo é mostrado o Mercado da Ribeira que foi transformado numa espécie de “centro comercial”, estando, por isso, a empurrar os comerciantes tradicionais para fora daquele espaço que está a ser dominado pela restauração.

Em panfletos que foram distribuídos pela cidade, e que também aparecem no vídeo, é pedido a quem mora em Lisboa que “resista coletivamente no bairro que habita” e que “não fuja precipitadamente para as periferias”, pese embora a invasão de alojamento local criada para os turistas estrangeiros.

Na descrição do vídeo feita na página do Vimeo onde está alojado o documentário, lê-se que a “1 de novembro de 1755 um terramoto destruiu a cidade de Lisboa. O seu impacto foi tal que deslocou o homem do centro da criação. As suas ruínas legitimaram o despotismo esclarecido”.

“Lisboa hoje treme novamente, abalada por um sismo turístico que transforma a cidade a velocidade de cruzeiro. O seu impacto desloca o morador do centro da cidade. Que novos absolutismos encontrarão aqui o seu álibi?”, acrescentam os responsáveis pelo documentário que pode ver abaixo.

TERRAMOTOURISM | O Documentario from Left Hand Rotation on Vimeo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório