Meteorologia

  • 26 JANEIRO 2021
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 19º

Edição

Centro de saúde 'rende-se' a falsa ameaça de bomba e contrata médico

Os 1.800 utentes do centro de saúde de Oliveira de Azeméis, hoje evacuado devido a uma ameaça de bomba associada à desmarcação de consultas, terão novo médico em 1 de março, revelou a administração daquela unidade.

Centro de saúde 'rende-se' a falsa ameaça de bomba e contrata médico

Em causa está o Centro de Saúde de São Roque, onde uma médica de família entrou de baixa na segunda-feira devido a uma gravidez de risco, o que levou ao cancelamento de "centenas de consultas".

Na sequência dessas desmarcações, uma pessoa ainda por identificar ligou esta manhã para a unidade e ameaçou acionar um engenho explosivo caso as consultas não fossem reagendadas ainda hoje, após o que a GNR evacuou o edifício e efetuou buscas ao local, sem encontrar qualquer engenho perigoso.

"O que aconteceu hoje é uma situação lamentável, mas temos uma médica que meteu atestado por estar com uma gravidez de risco e, como não tem previsão de regresso ao trabalho, as consultas tiveram mesmo de ser canceladas", disse à Lusa o diretor-executivo do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Entre Douro e Vouga II Aveiro Norte, Miguel Portela.

"Pedimos logo alguém para a substituir e no dia 01 de março essa pessoa já estará ao serviço. Como em Portugal não temos médicos a mais, estas coisas levam o seu tempo", explicou.

Miguel Portela disse entender a "apreensão" dos utentes que se viram sem consulta ("sei muito bem que as pessoas gostam de ter a sua vida organizada e que questões de saúde as preocupam sempre mais", afirma), mas apela à compreensão por parte da comunidade, sobretudo tendo em conta que na origem do problema está a segurança de uma gravidez.

"Todos apoiamos a maternidade", declarou. "Por isso é que é preciso ter o mínimo de compreensão tanto pela situação da médica e do seu bebé quanto pelo funcionamento do centro de saúde - até porque as consultas canceladas eram apenas de rotina e os casos agudos são sempre vistos por outro profissional da unidade", concluiu.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório