Meteorologia

  • 22 FEVEREIRO 2018
Tempo
MIN 6º MÁX 7º

Edição

Rui Rangel já está a ser interrogado. Fátima Galante terá de aguardar

A juíza desembargadora Fátima Galante só será ouvida após terminar o interrogatório a Rui Rangel.

Rui Rangel já está a ser interrogado. Fátima Galante terá de aguardar
Notícias ao Minuto

12:26 - 08/02/18 por Notícias Ao Minuto

País Operação Lex

Rui Rangel e Fátima Galante compareceram, esta manhã, no Supremo Tribunal de Justiça para serem interrogados no âmbito da Operação Lex, no âmbito da qual estão indiciados por crimes de corrupção/recebimento indevido de vantagens, branqueamento, tráfico de influência e fraude fiscal.

Os juízes desembargadores foram chamados em conjunto para as primeiras diligências, sendo que entretanto se deu início ao interrogatório de Rui Rangel, enquanto Fátima Galante terá de aguardar pelo fim do mesmo.

Sabe-se que lhe é permitida a saída do tribunal e apenas terá de se manter contactável para ser chamada logo que o primeiro interrogatório termine, não havendo previsão se será hoje. 

A duração do interrogatório dependerá do número de perguntas e das respostas ou silêncios de Rui Rangel, caso estes venham a existir. O advogado avançou ainda aos jornalistas que houve uma pausa no interrogatório e que este retoma às 15 horas.

O juiz conselheiro Pires da Graça, que tem papel de juiz de instrução neste interrogatório, só deverá decidir sobre as medidas de coação de ambos quando terminarem os dois interrogatórios.

Apesar de estarem suspensos do Conselho Superior de Magistratura, Rui Rangel e Fátima Galante estão protegidos pelo estatuto dos magistrados, o que impede que as medidas de coação os deixem privados da liberdade.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.