Meteorologia

  • 13 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Luís Filipe Vieira reage em comunicado: "Estou de consciência tranquila"

O Presidente do Sport Lisboa e Benfica foi constituído arguido no decurso da Operação Lex.

Luís Filipe Vieira reage em comunicado:
"Estou de consciência tranquila"
Notícias ao Minuto

13:17 - 02/02/18 por Pedro Filipe Pina 

País Caso

Luís Filipe Vieira é um das 13 pessoas que foram constituídas arguidas na sequência da Operação Lex.

O presidente dos 'encarnados' reagiu esta sexta-feira, em comunicado, naquela que é a sua primeira reação oficial ao caso que tem marcado a atualidade.

Recorde-se que, no âmbito da operação Lex, a Polícia Judiciária realizou na terça-feira um total de 33 buscas, das quais 20 domiciliárias, nomeadamente às casas dos juízes Rui Rangel e Fátima Galante, e ainda aos gabinetes do Tribunal de Relação, ao Sport Lisboa e Benfica, à casa de Luís Filipe Vieira e a três escritórios de advogados.

O presidente do Sport Lisboa e Benfica diz-se de "consciência totalmente tranquila" e afirma que não praticou "qualquer ilícito" que lhe "possa ser imputado".

"Nunca, ao longo dos meus sucessivos mandatos como dirigente e Presidente do Sport Lisboa e Benfica, confundi ou misturei a minha vida pessoal e profissional com a instituição Sport Lisboa e Benfica", afirmando que "é o mesmo" desde que chegou ao Benfica, há 18 anos, "agora com mais cabelos brancos".

Durante a semana, o advogado João Correia e o Benfica chegaram a defender que Luís Filipe Vieira não tinha sido constituído arguido, algo que a Procuradoria-Geral da República veio contrariar. O comunicado hoje conhecido não refere esta questão. Vieira destaca, por seu lado, "estupefação" por ver o seu "nome associado a este processo", reiterando ainda que confia na Justiça e que espera a "reposição da verdade".

Eis o comunicado na íntegra:

"No decurso desta semana, o meu nome tem sido associado a um processo judicial que tem alimentado as mais diversas especulações, algumas já desmentidas, sobre factos respeitantes à minha vida pessoal e enquanto Presidente do Sport Lisboa e Benfica.

Afirmo, de forma peremptória, que estou de consciência totalmente tranquila. Não pratiquei qualquer ilícito que me possa ser imputado. É, aliás, com enorme estupefacção que vejo o meu nome associado a este processo.

Nunca, ao longo dos meus sucessivos mandatos como dirigente e Presidente do Sport Lisboa e Benfica, confundi ou misturei a minha vida pessoal e profissional com a instituição Sport Lisboa e Benfica.

As minhas origens nunca estarão em causa. Sou o mesmo de sempre que chegou ao Benfica, há 18 anos. Agora com mais cabelos brancos.

Confio na Justiça. Espero e exijo dela a pronta reposição e esclarecimento da verdade, para o qual manifesto a minha total disponibilidade.

Quero transmitir a todos os meus amigos, a todos os benfiquistas e aos portugueses em geral que nada temo e que estou tranquilo porque estou seguro da minha conduta em todos os domínios da minha vida.

Por último, reafirmo que serei intransigente e determinado na defesa do prestígio, imagem e futuro do Sport Lisboa e Benfica.

Lisboa, 2 de fevereiro de 2018".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório