Meteorologia

  • 15 OUTUBRO 2018
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 17º

Edição

Legionella volta a 'atacar': Quatro mulheres infetadas na CUF Descobertas

A Direção-Geral da Saúde anunciou ontem, dia 28, que foi diagnosticada Legionella em quatro mulheres no Hospital CUF Descobertas, em Lisboa. Origem do vírus, ainda por determinar, poderá ser o sistema de águas sanitárias.

Legionella volta a 'atacar': Quatro mulheres infetadas na CUF Descobertas
Notícias ao Minuto

08:40 - 29/01/18 por Melissa Lopes 

País Lisboa

Depois de nos últimos meses de 2017 um surto de Legionella no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, ter feito seis vítimas mortais, a bactéria volta a ser notícia. Quatro mulheres foram diagnosticadas com a doença do legionário no Hospital CUF Descobertas, em Lisboa, anunciou ontem a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, em comunicado.

As quatro doentes, entre as quais duas funcionárias, encontram-se com um quadro clínico estável, estando apenas uma doente a ser monitorizada na unidade de cuidados intensivos.

Enquanto as doentes recebem tratamento com um "prognóstico positivo", as autoridades de saúde, em articulação com o conselho de administração do Hospital CUF Descobertas e em colaboração com o Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge "iniciaram a necessária intervenção junto do Hospital", estando a ser aplicadas as medidas necessárias para interromper a transmissão, adiantou Graça Freitas.

Quanto ao foco do vírus, sobre o qual não há ainda certezas, este pode ter tido origem no sistema de águas sanitárias. De acordo com Paulo Gomes, diretor clínico adjunto do hospital, a origem poderá ser no sistema de águas sanitárias e de duches do hospital, uma vez que este não dispõe de torres de arrefecimento. 

“Neste hospital, o problema não é de climatização, não temos torres de arrefecimento, não temos essa fragilidade, portanto o nexo de causalidade, a existir e a confirmar-se que é dentro do hospital, é no sistema das águas sanitárias e nos duches. Nesse sentido, todas as medidas curativas desta situação foram dirigidas para a esterilização de águas sanitárias”. Apesar de considerar prematuro, o diretor clínico adjunto admite que possam existir mais casos de Legionella no Hospital CUF Descobertas.

A bactériaLegionella é responsável pela doença dos legionários, uma forma de pneumonia grave que se inicia habitualmente com tosse seca, febre, arrepios, dor de cabeça, dores musculares e dificuldade respiratória, podendo também surgir dor abdominal e diarreia. A incubação da doença tem um período de cinco a seis dias depois da infeção, podendo ir até 10 dias.

A infeção pode ser contraída por via aérea (respiratória), através da inalação de gotículas de água ou por aspiração de água contaminada. Apesar de grave, a infeção tem tratamento efetivo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório