Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2018
Tempo
24º
MIN 21º MÁX 27º

Edição

Militar agredido por júnior do FC Porto está de baixa

Um militar da GNR alegadamente agredido por um jogador do FC Porto, no final de um encontro com o Cesarense, do campeonato de juniores, este sábado, recebeu tratamento hospitalar e encontra-se de baixa médica, informou hoje fonte da corporação.

Militar agredido por júnior do FC Porto está de baixa
Notícias ao Minuto

23:55 - 07/01/18 por Lusa

País GNR

Em declarações à agência Lusa, fonte da Guarda Nacional Republicana (GNR) referiu que o militar agredido teve de receber tratamento hospitalar e já teve alta, mas ainda se encontra de baixa porque "continua com dores nas costas e na cabeça".

A agressão ocorreu no final da partida entre o Cesarense e o FC Porto, da 18.ª jornada do campeonato de juniores, realizado em Cesar, Oliveira de Azeméis, no distrito de Aveiro, que os locais venceram por 3-1.

Após o apito final, os jogadores de ambas as equipas envolveram-se em confrontos, o que obrigou à intervenção dos agentes da GNR.

Nessa altura, segundo a GNR, o capitão do FC Porto, João Pedro Lameira, de 18 anos, terá agredido um militar.

"O autor das agressões foi identificado pela GNR, tendo sido elaborado um auto de notícia que será entregue ao Ministério Público", referiu a mesma fonte.

O agressor incorre num crime de ofensa à integridade física qualificada, punível com uma pena de prisão até quatro anos.

Ainda segundo a GNR, o irmão do capitão do FC Porto também foi identificado por agressão a um militar e por invasão de recinto desportivo.

"Posteriormente irão ser apuradas responsabilidades criminais e contraordenacionais aos vários elementos das duas equipas pelos confrontos que se geraram", adiantou a mesma fonte.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório