Meteorologia

  • 16 OUTUBRO 2018
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 17º

Edição

Centeno na Luz? País está "sempre entretido com absurdas irrelevâncias"

Daniel Oliveira critica a polémica em torno da notícia dos convites dados a Mário Centeno pelo clube da Luz para assistir a um jogo na bancada presidencial.

Centeno na Luz? País está "sempre entretido com absurdas irrelevâncias"
Notícias ao Minuto

17:37 - 06/01/18 por Anabela de Sousa Dantas 

País Daniel Oliveira

Daniel Oliveira descreve a polémica em torno da notícia avançada pelo Observador esta sexta-feira como “absurda irrelevância”. Num texto escrito na sua página de Facebook, o jornalista e comentador, abstém-se de contribuir para discussão mediática, mas deixando algumas notas de crítica.

“(…) só tenho ou terei uma coisa a dizer: não contribuo, com a minha participação no espaço público, para transformar este País num circo, sempre entretido com absurdas irrelevâncias, como se nada de importante para o seu futuro tivesse para tratar. Deixo isso para comentadores e colunistas que, não estando preparados para falar da substância da política, escondem a sua ignorância enchendo a comunicação social de ruído”, escreveu.

Daniel Oliveira termina o seu texto admitindo que já lhe foram dados “lugares na bancada presidencial do Sporting (e para o teatro, e para estreias de cinema)”. “Estou à espera de ver quem se indigna publicamente para ir verificar se não lhes aconteceu o mesmo. Jornalistas incluídos”, atira.

Recorde-se que esta sexta-feira, o jornal online Observador avançou com a notícia de que Mário Centeno, alegadamente à revelia do Código de Conduta do próprio Governo, “pediu lugares para si e para o filho para o Benfica-Porto da época passada” na bancada presidencial do Estádio da Luz. Estes convites, que não têm valor monetário, foram-lhe cedidos pelo clube.

O Observador escreve que o Ministério da Economia alegou “motivos de segurança” para a decisão em fazer este pedido, mas este “pode configurar recebimento indevido de vantagem ou colidir com o Código de Conduta do Governo”.

António Costa, que também esteve presente no mesmo jogo, comentou a notícia esta tarde de sábado, à saída de uma visita ao Hospital de Santa Maria, em Lisboa. O primeiro-ministro foi contundente em afirmar que “não há polémica nenhuma” e que se Centeno pediu bilhetes ao Benfica para assistir a um jogo de futebol na bancada presidencial, “é porque certamente tinha boas razões para o fazer”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório