Meteorologia

  • 18 JUNHO 2021
Tempo
19º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Caos e desespero nas urgências: Em Faro, enfermeiro foi ameaçado com faca

Bastonária da Ordem dos Enfermeiros fala em situações de caos e desespero nas urgências dos hospitais.

Caos e desespero nas urgências: Em Faro, enfermeiro foi ameaçado com faca

As urgências dos hospitais portugueses estão a enfrentar o caos, com tempos de espera a ultrapassar as 22 horas, para doentes não urgentes, como aconteceu no Hospital de Faro, no Algarve.

Foi exatamente nessa unidade hospitalar que se registaram ontem algumas tensões. Ana Rita Cavaco, bastonária da Ordem dos Enfermeiros, fez um retrato do caos e do desespero vivido nos hospitais.

Em Faro, por exemplo, houve inclusive uma pessoa que estava à espera para ser atendida e que ameaçou com um faca o enfermeiro da triagem, contou a bastonária. “As pessoas querem o seu problema resolvido, estão aflitas e preocupadas”, disse aos jornalistas.

A Ordem dos Médicos admitiu também este domingo a existência de "situações complicadas e graves na urgência".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório