Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2018
Tempo
26º
MIN 25º MÁX 29º

Edição

DGS apela à vacinação contra a gripe e desmistifica "mito"

A Direção-geral da Saúde avisa que a vacina da gripe não provoca a doença, tentando desmistificar a ideia de que as pessoas adoecem quando são imunizadas.

DGS apela à vacinação contra a gripe e desmistifica "mito"
Notícias ao Minuto

13:53 - 28/11/17 por Lusa

País Saúde

"A vacina é feita de vírus inativados e não tem potencial de infetar", afirmou a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, considerando "um mito" que se contraia gripe por levar a vacina.

De acordo com a responsável, durante o período em que é administrada a vacina da gripe há vários vírus em circulação, nomeadamente respiratórios, e pode ocorrer a coincidência de contraírem uma constipação ou outra infeção respiratória depois de se vacinarem contra a gripe.

Outras pessoas podem ainda ser vacinadas numa altura em que está já a gripe em período de incubação.

"A vacina é extremamente segura e é feita com vírus inativados", insistiu Graça Freitas durante a sessão de apresentação

Como todos os anos, a DGS apela à vacinação contra a gripe sobretudo aos grupos prioritários, como idosos ou doentes crónicos.

Graça Freitas lembrou hoje que se morre mais durante o inverno, devido às baixas temperaturas, à gripe e a outros vírus em circulação.

É também nesta altura que há mais pressão nos serviços de saúde, com a DGS a apelar a que as pessoas optem por procurar mais os centros de saúde do que as urgências hospitalares.

Na época da gripe, entre 16 a 17% das pessoas que vão a uma urgência podem necessitar de um internamento, contra menos de 10% nas outras épocas.

A diretora-geral da Saúde indicou que os planos para a época gripal são feitos a nível regional e que cada instituição avalia as suas necessidades, mas recordou a possibilidade de gerir melhor as altas sociais, libertando camas para quem mais precisa.

Saliente-se ainda que mais de um milhão de vacinas contra a gripe foram administradas pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS) desde outubro, o que representa mais 19% face ao mesmo período do ano passado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório