Meteorologia

  • 21 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Reacendimentos em Ortiga, Mação, voltam a preocupar população

A aflição voltou hoje a Ortiga, no concelho de Mação, onde o incêndio foi dado como extinto no sábado, mas se registaram esta manhã vários reacendimentos na aldeia que tem estado praticamente isolada nos últimos três dias.

Reacendimentos em Ortiga, Mação, voltam a preocupar população
Notícias ao Minuto

13:08 - 20/08/17 por Lusa

País Incêndios

De nervos em franja Carlota pede ajuda ao padrinho e vizinho da frente para "ligar a rede de rega porque já está outra vez a arder mesmo ali atrás da casa" do avô", que foi à missa.

"Mas o que é que é andam a rezar, é preciso e estar aqui a proteger as casas, porque só os bombeiros não chegam", responde o padrinho, um engenheiro agrónomo que nos últimos três dias tem "ajudado os bombeiros, indicando caminhos" pelos campos dos arredores de Ortiga.

Ortiga, foi ao final da tarde de sexta-feira a última aldeia do concelho de Mação a ser reaberta ao trânsito, depois de "três dias de inferno, com as chamas a aparecerem por todo o lado", lembra Elsa Raimundo.

Hoje de manhã, foi a cerca de 200 metros que ocorreu um dos primeiros reacendimentos, prontamente dominado pelos bombeiros e pelo pai e marido de Elsa, "que foram logo para lá mandar areia para cima das chamas".

O sossego durou apenas uma noite, aproveitada para recuperar do cansaço, mas hoje de manhã, pouco depois de se levantar, Rogério voltou a deparar-se com "uma grande coluna de fumo mesmo atrás da casa". Na parte a frente, a piscina já está equipada com uma mangueira para "começar a tirar agua assim de for preciso".

Com preocupação, mas sem pânicos, a população vai-se aproximando dos dois autotanques estacionados na aldeia, um dos quais estrategicamente parado em frente à uma bomba de gasolina.

À Lusa fonte do comando adiantou a aldeia e as áreas florestais em redor "foram vigiadas durante a noite" e hoje todos os reacendimentos tem estado a ser prontamente dominados".

No local estão dois grupos de intervenção e combate, num total de 56 homens, apoiados por oito viaturas de combate, quatro autotanques e quatro viaturas de comando.

O combate aos reacendimentos está também a ser apoiado por um meio aéreo.

Ortiga foi a última vila fustigada pelo incêndio que deflagrou no concelho de Mação às 00:01 de quarta-feira e foi dado como extinto às 06:50 de hoje, mas mantinham-se no local estão ainda 695 operacionais e 209 meios terrestres, segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro de Santarém.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório