Meteorologia

  • 24 JUNHO 2017
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

Hospital de Cascais alvo de inquérito por causa de sarampo

Foi no Hospital de Cascais que a jovem de 17 anos foi infetada com o vírus do sarampo. A adolescente morreu na passada quarta-feira de madrugada devido a uma complicação respiratória associada ao sarampo.

Hospital de Cascais alvo de inquérito por causa de sarampo
Notícias ao Minuto

16:33 - 21/04/17 por Notícias Ao Minuto com Lusa

País Saúde

A Inspeção-Geral das Atividades em Saúde (IGAS) abriu um inquérito ao Hospital de Cascais devido aos casos de contágio de sarampo na unidade hospitalar, que levou à morte de uma adolescente de 17 anos, avança a SIC Notícias.

Antes, já o ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, adiantou aos jornalistas, à margem de uma cerimónia no Hospital de Santa Maria, que havia falado com a inspetora-geral das Atividades em Saúde sobre o assunto.

Refira-se que foram detetados no Hospital de Cascais seis casos de sarampo. O contágio terá sido iniciado por uma criança de 13 meses que não estava vacinada.

A adolescente de 17 anos estava internada com outro problema de saúde e, como também não estava vacinada, acabou por ser infetada. Acabou por falecer na quarta-feira de madrugada, no Hospital Dona Estefânia, com uma pneumonia bilateral, uma complicação respiratória do sarampo.

A jovem estava internada na Unidade de Cuidados Intensivos Pediátricos do CHLC desde o fim de semana.

Até ao momento foram registados 21 casos de sarampo no surto epidémico que afeta Portugal.

Campo obrigatório