Meteorologia

  • 29 NOVEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 9º MÁX 16º

Edição

A saga do "palhaço" contada em várias línguas

As afirmações do escritor Miguel Sousa Tavares em entrevista ao Jornal de Negócios continuam a fazer correr muita tinta, inclusive além-fronteiras. O episódio em que Sousa Tavares chama "palhaço" ao Presidente da República, Cavaco Silva, tem vindo a ser relatado Mundo fora. Roménia, Polónia ou Suécia são apenas alguns dos países que estão a dar destaque à polémica.

A saga do "palhaço" contada em várias línguas

Britânicos, romenos, polacos, suecos, franceses, húngaros ou turcos. Nenhum dos órgãos de comunicação destas nacionalidades deixou escapar o episódio entre o escritor e comentador político, Miguel Sousa Tavares, e o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva.

Recorde-se que o primeiro chamou “palhaço” ao segundo, numa entrevista publicada no Jornal de Negócios da passada sexta-feira, sendo que o chefe de Estado solicitou à Procuradoria-Geral da República a instauração de um inquérito por “ofensa à honra”.

Ora, segundo um levantamento feito pelo Diário de Notícias, a celeuma está a dar que falar lá fora.

“O famoso escritor disse que o País não precisa de alguém como o comediante italiano Beppe Grillo porque já tinha um palhaço como líder”, aponta a BBC.

As edições online do Helsingborgs Dagblad, o maior jornal escrito em sueco, da televisão polaca TVN4 e do agregador francês dakaractu.com também deram conta do sucedido. “Miguel Sousa Tavares está a ser investigado pelo Ministério Público por suspeita de ter insultado publicamente o Presidente português”, pode ler-se.

Um outro site romeno, além de reportar a polémica, classifica o papel de Cavaco Silva como “essencialmente cerimonial”, acrescentando que, nesse sentido, o chefe de Estado às vezes “é alvo de piadas entre os seus compatriotas”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório