Burlão português finge emergência e foge de prisão em França

Jorge Queiroz foi apanhado pela polícia dois dias após a fuga.

© Reprodução Villeneuve-les-Maguelone
País Jorge Queiroz

PUB

O português Jorge Queiroz conseguiu escapar da prisão de Villeneuve-les-Maguelone, em França, onde se encontrava detido desde junho de 2015, a aguardar transferência para Portugal, por enganar centenas de pessoas com um esquema em pirâmide que abrangeu vários países.

O burlão de 55 anos fingiu ter caído da cama da sua cela para ser levado para o hospital de Lapeyronie, onde, com ajuda da mulher, conseguiu sedar os guardas, libertar-se das algemas e sair do edifício, armado.

Com ajuda de um segundo cúmplice, Jorge e a mulher fugiram, perseguidos pela polícia. Houve troca de tiros durante a fuga, mas não há feridos a registar, conta o jornal francês Metropolitain. Acabou por ser detido dois dias depois.

Jorge Queiroz foi detido em França em 2015 após um mandado de captura europeu emitido por Portugal. Foi acusado de montar um esquema em pirâmide com operações em Portugal, Espanha, Suíça, Itália e França que angariou cerca de 300 milhões de euros.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser