Queriam burlar homem. Esquema correu mal e acabaram por matá-lo

O principal suspeito já foi detido pela Polícia Judiciária.

© GlobalImagens
País Porto

A Polícia Judiciária da Diretoria do Norte identificou e deteve um homem pela presumível autoria do crime de homicídio, ocorrido no dia 24 de maio do corrente ano, na cidade do Porto, reporta o comunicado enviado às redações.

PUB

A investigação começou quando a vítima, de 48 anos, foi encontrada por familiares na sua residência, dois dias após o homicídio. “Foram recolhidos indícios de que o suspeito, juntamente com um outro indivíduo, elaborou um plano para subtrair à vítima quantias monetárias depositadas em contas bancárias”, explicou a PJ.

Mais tarde, quando a vítima se apercebeu das intenções dos suspeitos, confrontou-os, o que espoletou uma discussão que acabou na agressão da vítima. “Os suspeitos muniram-se de uma ferramenta, com a qual terão agredido violentamente a vítima na cabeça, provocando graves lesões que lhe causaram a morte”.

O detido, um estudante de 25 anos com nacionalidade estrangeira, irá ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS