Portugueses prevêem impacto negativo com Trump a liderar EUA

São as mulheres e os mais jovens pertencentes a classes mais elevadas a engrossar esta opinião.

© Getty Images
País Marktest

Os portugueses antecipam um impato negativo para a Europa com Donald Trump na presidência dos Estados Unidos. É este o resultado de uma sondagem realizada pelo Fonebus da Marktest. 

PUB

"Recentemente, os cidadãos dos Estados Unidos da América elegeram Donald Trump para futuro Presidente. Em sua opinião, a Presidência de Donald Trump terá, para a Europa, um impacto …". Esta foi a questão que a Marktest colocou aos residentes no Continente com 18 e mais anos.

E a resposta não deixou dúvidas: a maioria (56.8%) antecipa um impacto negativo ou muito negativo, 16% entende que o impacto será nulo e 22% diz não saber ou não responde à questão. Apenas 5% acha que o impacto da presidência Trump poderá ser positivo ou muito positivo para a Europa. Entre os mais pessimistas estão sobretudo as mulheres, os indivíduos mais jovens e os das classes sociais mais elevadas.

Quando a questão põe Portugal à mistura, o pessimismo acaba por ser menor. "E, para o caso concreto de Portugal, acha que esse impacto será …", perguntou-se. Embora também as respostas mais frequentes sejam as de que esse impacto será negativo ou muito negativo (39%), um terço dos inquiridos entende que o impacto para Portugal da presidência de Trump não será nem positivo nem negativo e 23.5% não sabe ou não responde à questão.

Apenas 4.3% acredita que esse impacto será positivo ou muito positivo.Também nesta questão, entre os mais pessimistas estão sobretudo as mulheres, os indivíduos entre os 55 e os 64 anos e os das classes sociais mais elevadas, refere a Marktest no seu site. 

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS