Apanhado em flagrante a abrir correspondência alheia. Acabou detido

Em causa está um crime de violação de segredo de correspondência.

© Getty Images
País Loulé

A Polícia Judiciária, em inquérito dirigido pelo DIAP de Faro e na sequência de uma investigação, deteve um homem, em flagrante delito, pelo crime de violação de segredo de correspondência.

PUB

Num comunicado enviado à imprensa, a PJ detalha que a detenção se materializou esta terça-feira, por volta das 9h, em Loulé, quando o arguido, no exercício da sua atividade profissional, abriu indevidamente correspondência à sua guarda, endereçada a terceiros.

Acrescenta ainda esta autoridade que foram efetuadas buscas na casa do agora detido e no Centro de Distribuição de correspondência de Loulé, tendo sido apreendido um dos objetos que teria roubado anteriormente.

O detido, de 41 anos de idade vai ser presente às autoridades judiciárias para os efeitos julgados por convenientes.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser