Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2020
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 20º

Edição

Argelino fugiu do aeroporto ao pedir para fumar? "Não bate certo"

Aos olhos dos sindicatos do SEF esta não é uma situação normal.

Argelino fugiu do aeroporto ao pedir para fumar? "Não bate certo"

Uma das fugas de argelinos do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, deverá ter ocorrido após uma falha de segurança, quando um funcionário do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) autorizou o indivíduo a sair da zona de trânsito para ir fumar. A notícia foi avançada pelo Diário de Notícias, mas não é confirmada pela presidente do Sindicato dos Funcionários do SEF nem pelo presidente do Sindicato dos Inspetores do SEF.

Manuela Niza Ribeiro explicou ao Notícias ao Minuto que está a “aguardar que se verifique a veracidade” das informações que revelaram que o homem fugiu após uma autorização para ir fumar.

“Não é uma situação normal, poderia acontecer por motivos de força maior, que não é o caso”, garantiu a presidente. Nesta senda, Manuela Niza Ribeiro refere que foi aberto um inquérito logo que a fuga aconteceu, não confirmando uma referência ao ato de fumar, e que se vai aguardar pelas conclusões para apurar responsabilidades.

Já o presidente do Sindicato dos Inspetores do SEF, Acácio Pereira, também em declarações ao Notícias ao Minuto, salvaguarda que esta “é uma situação estranhíssima”. “Quando dizem que foi fumar dá ideia de que fumar é o mesmo que abrir uma porta e ir fumar. Não é. As pessoas normalmente só saem da zona do aeroporto por razões de saúde ou de justiça”, diz.

“Para se ir fumar é preciso fazer quilómetros, para se fumar teoricamente deveria ir acompanhado, logo aí é algo estranho, há coisas que não batem certo”, acrescenta.

No mesmo sentido, Acácio Pereira explica que o importante é apurar responsabilidades. “Eu sei que existe um processo, não sei se é relativamente a essa situação ou não, mas não posso dizer que se reporta a isso porque não tenho a certeza”, conclui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório