Apreedidas peças de marfim, tartaruga e dois dentes de hipopótamo

A PSP de Lisboa aprendeu hoje 41 peças de marfim de elefante, três peças de tartaruga e dois dentes de hipopótamo durante uma ação dirigida ao comércio de marfim e outras substâncias animais em zonas comerciais de Lisboa.

© Reuters
País PSP

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP, através da Brigada de Proteção Ambiental (BRIPA) e com a colaboração do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), anunciou que tem vindo a realizar um conjunto de ações de fiscalização direcionadas para a proteção ambiental.

PUB

Na manhã de hoje realizaram-se ações de fiscalização, em vários pontos da área de atuação do Comando Metropolitano de Lisboa, das quais resultou a apreensão destas peças.

A PSP detetou ainda quatro infrações ambientais muito graves, relativas às condições de organização, manutenção e atualização do Registo Nacional CITES e falta de Certificados CITES (Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção), sendo que o montante mínimo total das coimas ascende a 40.000 euros.

 

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS