Meteorologia

  • 28 FEVEREIRO 2021
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 20º

Edição

Pedido julgamento de detidos em flagrante a roubar banco

O Ministério Público (MP) requereu o julgamento de um homem e de uma mulher, detidos em flagrante delito a assaltar um banco no concelho de Sintra, em abril último, pela prática de crimes de roubo, anunciou hoje o MP.

Pedido julgamento de detidos em flagrante a roubar banco

Os arguidos são acusados da prática de 11 crimes de roubo agravado, um dos quais na forma tentada, segundo consta da página da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL) na internet.

Trata-se de um homem, detido a 06 abril último quando tentava assaltar uma dependência bancária em Mem Martins (Sintra) durante o gozo de uma saída precária.

O MP pediu a condenação do arguido como reincidente.

Na altura, foi também detida em flagrante delito uma mulher.

Segundo a PGDL, o arguido -- que à data dos factos se encontrava a cumprir uma pena de prisão de 24 anos -- está acusado de se ter aproveitado de várias saídas precárias do estabelecimento prisional para praticar roubos em dependências bancárias em Lisboa, Alverca, Seixal, Queluz, Benavente, Carregado e Mem Martins.

A PGDL refere que os roubos ocorreram no período compreendido entre janeiro de 2014 e abril de 2015 e que a mulher -- que se encontra detida em prisão preventiva desde abril último -- participou em dois assaltos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório