Meteorologia

  • 28 MAIO 2023
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 23º

Governo quer mais telemedicina em consultas e exames

O objetivo do Executivo passa por ter a telemedicina disponível em todas as unidades de saúde.

Governo quer mais telemedicina em consultas e exames
Notícias ao Minuto

10:00 - 07/04/15 por Notícias ao Minuto

País Saúde

O presidente da central de compras do Serviço Nacional de Saúde (SNS), Henrique Martins, revelou à TSF que o Governo quer aumentar o uso da telemedicina nas unidades de saúde portuguesas.

Trata-se de “uma tecnologia como outra qualquer para a prática médica e deve estar disponível em todas as unidades de saúde”, disse, salientado que o Governo quer expandir este mecanismo a todas as consultas e exames.

A questão da telemedicina – que inclui o envio de imagens e vídeos – vai estar em debate esta terça-feira, em Lisboa, e Henrique Martins apela à “abertura de espírito” face a este novo mecanismo, uma vez que, defende, vai fazer com que os utentes e o Estados poupem tempo e dinheiro.

“O Ministério [da Saúde] gasta muito dinheiro em transportes de um lado para o outro e que estes, às vezes, até levam as pessoas a sentirem-se desconfortáveis pelos tempos de deslocação e por terem de acordar cedo”, justificou, salientando que o contacto físico entre paciente e médico nunca deixará de existir.

O “contacto físico entre doente e médico ou enfermeiro, algo que se deve manter, mas há muitos outros casos, sobretudo em doentes crónicos, em que a equipa clínica conhece bem a pessoa, o que permite esse contacto à distância que gera poupanças que podem ser investidas noutras áreas”, garantiu à TSF.

De acordo com a publicação, está a decorrer uma consulta pública para escolher as empresas que irão ser responsáveis pelo fornecimento desta tecnologia ao Serviço Nacional de Saúde.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório