Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2022
Tempo
13º
MIN 7º MÁX 14º

Lajes: a 'tampa' de Passos a representante dos EUA não ajudou

Em 2013, o então secretário de Defesa americano Leon Panetta visitou a Europa, em missão diplomática. Passos Coelho, no entanto, terá sido o único primeiro-ministro que não recebeu o representante de Washington, uma situação que terá causado incómodo e afetado as relações bilaterais entre os dois países.

Lajes: a 'tampa' de Passos a representante dos EUA não ajudou
Notícias ao Minuto

09:13 - 25/01/15 por Notícias Ao Minuto

País Diplomacia

Escreve o Diário de Notícias deste domingo que, segundo uma fonte diplomática que contactaram, os Estados Unidos terão ficado incomodados com o facto de Passos Coelho, em janeiro de 2013, não ter recebido o então secretário de Defesa americano Leon Panetta, que estava na altura em visita a Lisboa.

Na altura, o encontro estaria agendado, a pedido do próprio Panetta, que se encontrou com os líderes políticos de outros países. O encontro, porém, terá sido desmarcado por iniciativa do governante português, sendo que Passos Coelho terá sido o único primeiro-ministro que não recebeu o representante norte-americano na sua visita à Europa, “e essa atitude que ficou profundamente marcada”, adiantou a mesma fonte.

Numa altura em que a considerável redução da capacidade norte-americana na Base das Lajes poderá trazer diversos desafios, em particular à economia local, Devin Nunes, um congressista republicano com raízes açorianas, admite ao mesmo jornal que a redução prevista de dois terços dos efetivos provocará “danos nas relações” diplomáticas entre os dois países.

O mesmo congressista, no entanto, acende alguma ‘luz ao fundo do túnel’ sobre esta questão, sugerindo que o Congresso dos EUA ainda irá “explorar diversas opções para manter a Base das Lajes”. Mas no momento atual já não será fácil renegociar a posição americana nas Lajes.

O Diário de Notícias adianta ainda que confirmou com outra fonte o incómodo que o ‘não’ de Passos a Washington terá provocado. O gabinete do primeiro-ministro, por outro lado, ainda não comentou a questão, escreve o mesmo jornal.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório