Meteorologia

  • 19 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 5º MÁX 15º

Edição

Pinturas romanas de Troia vão ser restauradas

A Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra (APSS) e o Troiaresort, Investimentos Turísticos, assinaram hoje um protocolo de cooperação para a conservação e manutenção de pinturas e estruturas edificadas nas ruínas romanas de Troia.

Pinturas romanas de Troia vão ser restauradas

Segundo a administração portuária de Setúbal, o acordo prevê a realização de trabalhos de restauro das pinturas das paredes da Basílica Paleocristã de Troia, que já estão a decorrer, de forma a garantir a preservação daquele património histórico para as gerações futuras.

A Basílica Paleocristã de Troia, que tem as paredes pintadas com motivos geométricos e vegetais e imitação de mármore, de que se destaca um cântaro pintado num pilar, é uma igreja construída em finais do século IV ou início do século V, que antecedeu a Igreja de Nossa Senhora de Troia, localizada ao lado, onde se realiza a festa anual dos pescadores de Setúbal.

De acordo com a APSS, as ruínas romanas de Troia, classificadas como Monumento Nacional desde 1910, remontam ao século I d.C. (depois de Cristo) e fazem parte da história do porto de Setúbal, designadamente nas vertentes da pesca, indústria e transporte marítimo de mercadorias.

Reconhecidas como sítio arqueológico, as ruínas romanas de Troia foram consideradas como o maior centro de produção de salga de peixe, que era depois colocado em ânforas e exportado para todo o império romano.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório