Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2019
Tempo
13º
MIN 8º MÁX 13º

Edição

Juízes queixam-se de sofrer pressões e ganhar mal

O presidente da Associação Sindical dos Juízes Portugueses falou à Renascença sobre as queixas dos magistrados e afirma que, além de receberem mal, ainda são alvo de pressões. O X Congresso dos Juízes Portugueses começa esta quinta-feira, em Tróia.

Juízes queixam-se de sofrer pressões e ganhar mal

António Mouraz Lopes, presidente da Associação Sindical dos Juízes Portugueses, defende, em entrevista à Rádio Renascença, uma revisão urgente do estatuto profissional dos juízes, para que as mudanças dos Governos deixem de significar, também, mudanças nas suas remunerações.

O responsável acredita que os juízes têm sido alvo de pressões e reitera que a formação destes profissionais tem de melhorar e que é preciso alterar as remunerações, pois, quando comparados com outras figuras com altos cargos, os magistrados são penalizados em termos de ordenado.

“A diferença de valores é brutal. O vencimento de um presidente de uma empresa cotada na bolsa é igual ao orçamento do Supremo Tribunal de Justiça – ganha tanto como os 60 juízes deste tribunal”, acrescenta Mouraz Lopes, em declarações à mesma rádio.

Os juízes reúnem a partir desta quinta-feira em Tróia, no X Congresso dos Juízes Portugueses.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório