Meteorologia

  • 18 OUTUBRO 2021
Tempo
24º
MIN 16º MÁX 28º

Edição

Dava-lhe as chaves da padaria mas levou-o a tribunal por 70 cêntimos

O Tribunal de Relação do Porto ilibou um padeiro da Rechousa, em Vila Nova de Gaia, do crime de furto simples. Segundo o Jornal de Notícias (JN), o homem de 54 anos era acusado pelo patrão, que continuava a confiar-lhe as chaves da padaria, do roubo de 70 cêntimos.

Dava-lhe as chaves da padaria mas levou-o a tribunal por 70 cêntimos

Um padeiro da Rechousa, em Vila Nova de Gaia, foi levado a tribunal pelo patrão após este o ter acusado de roubar trocos da caixa registadora da padaria. Segundo o Jornal de Notícias (JN), em causa estavam 70 cêntimos.

De acordo com a mesma publicação, o homem, de 54 anos, foi ilibado da acusação do crime de burla simples pelo Tribunal de Relação do Porto e do pagamento de uma multa de 340 euros, uma vez que não ficou provado que tinha tirado as moedas da caixa.

O patrão desconfiava do seu funcionário e decidiu montar um esquema para provar que era ele o autor dos pequenos roubos. Marcou com tinta azul as moedas que metia na caixa para verificar se o padeiro usava essas mesmas moedas para pagar o café que bebia no estabelecimento ao lado da padaria e que pertence ao seu cunhado.

Em tribunal os depoimentos não bateram certo pois o patrão dizia ter marcado as moedas com tinta azul, enquanto o cunhado afirmava que as marcas eram verdes.

O tribunal acabou por decidir a favor do padeiro, que continuou a ter acesso à chave da padaria mesmo durante todo o processo e julgamento.

Segundo o jornal, as moedas em causa nunca foram apresentadas como prova.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório