Meteorologia

  • 18 NOVEMBRO 2019
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 16º

Edição

Problemas no Citius gerados por responsáveis "analfabetos"

O presidente do Instituto Nacional de Engenharia e Sistemas de Computadores (INESC), José Tribolet comentou a situação caótica da plataforma informática, Citius e garantiu que os responsáveis são "analfabetos" no que toca ao sistema, conta a Renascença.

Problemas no Citius gerados por responsáveis "analfabetos"
Notícias ao Minuto

17:20 - 17/09/14 por Notícias Ao Minuto 

País José Tribolet

Os problemas no Citius, sistema informático da justiça não são tão informáticos, segundo o presidente do Instituto Nacional de Engenharia e Sistemas de Computadores (INESC), José Tribolet que explica ainda que caso os responsáveis não fossem “analfabetos” na matéria nada disto estaria a acontecer.

“São milhares de documentos e apêndices que se foram pondo na plataforma ao longo dos anos, muitos com informação ausente, errada ou trocada”, afirma José Tribolet.

“Os documentos estão no sistema, mas é como em nossa casa: vamos acumulando papéis sem grande organização e quando precisamos de algum não vamos saber onde está”, explica.

Durante cinco anos José Tribolet esteve ao lado da Procuradoria-Geral da República para explicar como iria funcionar o sistema e garantiu ter feito “repetidas recomendações a vários governos para que limpassem o sistema, mas é uma coisa que dá trabalho e custa dinheiro”.

No entanto, as recomendações foram ignoradas durante muitos anos e o problema surge “perante uma transformação massiva, em que os problemas aparecem todos ao mesmo tempo”.

Para o novo sistema estar em ordem, José Tribolet acredita que serão necessários “pelo menos um ou dois anos de trabalho”.

“Do ponto de vista dos modernos sistemas de informação das organizações, os dirigentes de topo são analfabetos, não conhecem o problema com que estão a lidar”, indica o professor.

Ainda sobre o Citius, o catedrático afirmar que esta mudança rápida e sem estratégia foi um risco, mas “modernizou o país e contribui para um melhor conhecimento e segurança dos processos, enquanto antes estava tudo preso por arames”, defende.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório