Meteorologia

  • 12 JULHO 2024
Tempo
25º
MIN 16º MÁX 27º

Buscas combinadas à SAD do FC Porto? PSP sem "intervenção quanto à data"

O esclarecimento da PSP acontece após terem surgido escutas que sugerem que Pinto da Costa é suspeito de ter combinado a data das buscas à Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do FC Porto com a Polícia de Segurança Pública (PSP).

Buscas combinadas à SAD do FC Porto? PSP sem "intervenção quanto à data"
Notícias ao Minuto

15:22 - 17/06/24 por Notícias ao Minuto

País FC Porto

A Polícia de Segurança Pública (PSP) garantiu, esta segunda-feira, que não teve "qualquer intervenção no planeamento das mesmas, nem quanto à data escolhida para a realização" das buscas à Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do FC Porto, no dia 22 de novembro de 2021.

"A intervenção da PSP foi requerida, única e exclusivamente, no sentido de prestar apoio na execução das buscas, não tendo tido qualquer intervenção no planeamento das mesmas, nem quanto à data escolhida para a sua realização", refere aquela autoridade, em comunicado a que o Notícias ao Minuto, destacando ainda que a "a PSP não foi o órgão de polícia criminal no qual tenha sido delegada a investigação do processo em apreço".

A PSP garantiu ainda que "é uma instituição que assegura a legalidade democrática, garante a segurança interna e os direitos dos cidadãos, nos termos da Constituição e da Lei".

O esclarecimento da PSP acontece após a CNN Portugal ter divulgado as escutas a que teve acesso, relacionadas com a 'Operação Influencer, em que terá sido intercetado um telefonema, em novembro de 2021, entre o então ministro do Ambiente, Matos Fernandes, e o pai, José Manuel Matos Fernandes, antigo presidente da Mesa da Assembleia Geral do emblema azul e branco.

O responsável político terá perguntado ao progenitor se teria visto "as notícias" que davam conta do facto de o clube "estar a ser investigado", ao que este assumiu que tal lhe tinha sido comunicado, não só por Pinto da Costa, como pelo então dirigente, Adelino Caldeira.

"Eles já sabiam que era hoje (...). Eles até tinham pedido que fosse hoje, para não ser no dia do jogo, e a polícia disse que, então, era na segunda ou na sexta", terá afirmado, referindo-se a uma partida com o Liverpool, referente à fase de grupos da Liga dos Campeões.

Dois dias depois, os dragões acabariam por sair derrotados de Anfield, por 2-0, fruto dos golos de Thiago Alcântara e Mohamed Salah. Quanto às buscas propriamente ditas, tiveram como alvo suspeitas sobre comissões de transferências de jogadores.

Leia Também: Pinto da Costa terá combinado data das buscas à SAD do FC Porto com a PSP

Recomendados para si

;
Campo obrigatório