Meteorologia

  • 22 JULHO 2024
Tempo
34º
MIN 18º MÁX 37º

Acidente da ministra foi, afinal, na A10. O que se sabe (e falta saber)

Comunicado do Ministério esclarece que por lapso, no contacto com o INEM "foi referida a A8 e não a A10 como o local do acidente".

Acidente da ministra foi, afinal, na A10. O que se sabe (e falta saber)
Notícias ao Minuto

09:08 - 09/06/24 por Marta Amorim com Lusa

País Ministro da Saúde

A ministra da Saúde Ana Paula Martins esteve envolvida esta sexta-feira num despiste de carro onde seguia com uma assessora e o motorista. Fraturou o antebraço, esteve internada no Hospital de São Francisco Xavier e já teve alta este sábado a meio da tarde. 

Contudo, os contornos deste acidente permanecem por explicar e várias dúvidas foram levantadas nas redes sociais. 

Desde logo porque as primeiras informações davam conta de que o acidente tinha ocorrido na A8. Contudo, sabe-se agora que essas informações estão erradas. 

Contactado pela Lusa, o comandante dos bombeiros de Torres Vedras, Hugo Jorge, revelou que recebeu o alerta para um acidente na A8 (autoestrada que liga Leiria a Lisboa) e que deslocou os meios habituais nestas circunstâncias – duas ambulâncias, uma viatura de desencarceramento e uma viatura de comando – que percorreram a via sem encontrarem o acidente.

Também o comandante sub-regional do oeste, Carlos Silva, disse que foi percorrida a A8 entre Caldas da Rainha, Torres Vedras e Malveira e que também não foi encontrado qualquer acidente.

Contudo, sabe-se agora, e depois de um comunicado explicativo do ministério enviado este sábado, que o acidente ocorreu na A10, perto do Sobral de Monte Agraço, distrito de Lisboa, e não envolveu mais nenhuma viatura.

Segundo o ministério, o acidente ocorreu "na sequência das condições meteorológicas desfavoráveis que se verificaram".

"A Sra. Ministra e a assessora foram transportadas para o Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, porque é a unidade com urgência polivalente mais próxima do acidente e é, também, o hospital da área de residência da Sra. Ministra", refere o esclarecimento, frisando que foram "ambas transportadas para o hospital na viatura onde seguia a Sra. Secretária de Estado da Gestão da Saúde (SEGS) que regressava, igualmente, do mesmo evento".

Esclarece ainda a nota que, "entre o momento do acidente e a chegada da viatura da Secretária de Estado da Gestão da Saúde, um membro do gabinete da SEGS acionou o INEM e esse alerta foi, depois, anulado, uma vez que se considerou que ninguém apresentava ferimentos que justificassem o recurso a meios de emergência médica".

Por lapso, frisam, "nesse contacto com o INEM foi referida a A8 e não a A10 como o local do acidente".

O motorista ficou junto da viatura acidentada até a mesma ser rebocada e, depois, foi, também, mais tarde, transportado até ao hospital para observação.

Segundo a RTP, o carro de Ana Paula Martins foi apanhado num lençol de água que levou o motorista a perder o controlo na condução.

Todos os interviestes no acidente já tiveram alta.

Leia Também: Ministra da Saúde já teve alta hospitalar

Recomendados para si

;
Campo obrigatório