Meteorologia

  • 29 FEVEREIRO 2024
Tempo
14º
MIN 11º MÁX 16º

Carnaval. PSP detém quase 500 pessoas e apreende droga e armas

Do total de 481 detenções, 117 foram por crimes rodoviários. Entre 5 e 12 de fevereiro, "foram registados 1.187 acidentes, dos quais resultaram 351 feridos leves, 5 feridos graves e 2 vítimas mortais".

Carnaval. PSP detém quase 500 pessoas e apreende droga e armas
Notícias ao Minuto

10:16 - 13/02/24 por Notícias ao Minuto

País PSP

A Polícia de Segurança Pública (PSP) informou, esta segunda-feira, que entre 5 e 12 de fevereiro, no âmbito da operação Carnaval em Segurança, deteve quase 500 pessoas, "na sua área de responsabilidade em Portugal Continental e na totalidade das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores".

Em comunicado, enviado às redações, a autoridade revelou que, do total de 481 detenções, destacam-se 117 por crimes rodoviários: 62 por condução sob o efeito do álcool e 55 por falta de habilitação legal para conduzir. 

Registaram-se 49 suspeitos detidos por tráfico de estupefacientes e foram apreendidas mais de 15.260 doses individuais, além de 42 detidos por crimes contra a propriedade

Durante o mesmo período de tempo, a PSP apreendeu 44 armas de fogo e 26 armas brancas, "quer como medida cautelar, quer no seguimento das 13 detenções efetuadas por posse de armas proibidas".

Foi ainda dado cumprimento a 170 mandados de detenção judiciais.

No que toca à fiscalização rodoviária, foram fiscalizados 11.290 condutores e controlados por radar 54.450 veículos, que levou ao registo de 2.681 contraordenações: 512 por excesso de velocidade, 78 por condução sob o efeito do álcool, 249 por falta de inspeção periódica obrigatória, 79 por falta de seguro de responsabilidade civil e 48 por uso do telemóvel durante a condução. 

"A condução em excesso de velocidade, uma das principais causas da sinistralidade rodoviária, representa 19% do total das infrações verificadas", informou a PSP, acrescentando que, na sua área de responsabilidade, "foram registados 1187 acidentes, dos quais resultaram 351 feridos leves, 5 feridos graves e 2 vítimas mortais".

Na nota, a autoridade apelou a "todos os condutores que conduzam em segurança, adaptando a sua condução às condições climatéricas e ao estado do piso".

"Sensibilizamos ainda para que cumpram os limites de velocidade e não ingiram bebidas alcoólicas, ou optem por designar um condutor que fique responsável pelo grupo", lê-se.

Leia Também: Prisão preventiva para homem que matou a mulher na via pública em Lisboa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório