Meteorologia

  • 17 ABRIL 2024
Tempo
20º
MIN 14º MÁX 28º

ULS Coimbra dá formação a médicos ucranianos em emergências obstétricas

Grupo de formandos foi composto por 11 médicos da Ucrânia e dois portugueses, que participam em missões humanitárias em África e no Médio Oriente.

ULS Coimbra dá formação a médicos ucranianos em emergências obstétricas
Notícias ao Minuto

14:21 - 07/02/24 por Notícias ao Minuto

País ULS

Os formadores da área Obstetrícia do Centro de Simulação da Unidade Local de Saúde (ULS) de Coimbra deram, nos últimos dias, formação na área das emergências em obstetrícia a médicos ucranianos, anunciou aquela unidade em comunicado.

Estiveram presentes na formação o presidente da Kyiv Medical University, Alexander Pokanevych, e o general Carlos Lobato, médico e representante do Chefe do Estado Maior das Forças Armadas Portuguesas.

O curso, denominado 'Emergências em Obstetrícia', foi frequentado por um grupo de 11 médicos da Ucrânia e dois portugueses, "que participam em missões humanitárias em África e no Médio Oriente".

"É um orgulho e uma satisfação ver que, fruto da sua experiência e 'know-how', as equipas da nossa ULS são requisitadas para dar formação internacional, especialmente, quando o desafio é um contexto tão complicado como o das emergências obstétricas em contexto de guerra", disse o presidente do Conselho de Administração da ULS Coimbra, citado no comunicado.

O responsável sublinhou, ainda, que "a ULS Coimbra estará sempre disponível para colaborar em ações desta natureza, até porque a inovação, a investigação e a transferência de saber fazem parte do ADN da ULS Coimbra".

Decorreu nos dias 31 de janeiro e 1 de fevereiro, nos Hospitais da Universidade de Coimbra, e contou com a simulação de "cenários multidisciplinares de eventos críticos em contexto de obstetrícia, com a colaboração da Cruz Vermelha Portuguesa e de uma unidade médica do exército português".

"O desafio foi lançado pelo Gabinete de Apoio Humanitário da Ordem dos Médicos (GAHOM), que solicitou à Unidade Local de Saúde de Coimbra (ULS Coimbra) que planeasse e realizasse uma formação, nesta área, para estes profissionais de saúde", lê-se na nota informativa.

Leia Também: Governo autoriza contratação de 250 médicos, enquanto não abre concurso

Recomendados para si

;
Campo obrigatório