Meteorologia

  • 25 ABRIL 2024
Tempo
18º
MIN 13º MÁX 19º

Santos Silva lança livro após o último plenário antes da dissolução

O presidente da Assembleia da República vai lançar na quinta-feira, após a ultima sessão plenária antes da dissolução do parlamento, no próximo dia 15, um livro intitulado "Singular plural" com discursos que proferiu na primeira sessão legislativa.

Santos Silva lança livro após o último plenário antes da dissolução
Notícias ao Minuto

17:25 - 10/01/24 por Lusa

País Santos Silva

O livro vai ser apresentado pelo deputado do PS, presidente da Comissão Parlamentar de Educação e Ciência, Alexandre Quintanilha, e por Paulo Trigo Pereira, economista, ex-deputado independente socialista e professor universitário.

Dividido em três partes, o livro do presidente da Assembleia da República está centrado nos discursos que proferiu ao longo dos 18 meses da primeira sessão legislativa da atual legislatura, entre 29 de março de 2022 e 14 de setembro de 2023.

O livro abre com um capítulo introdutório, intitulado "Prestar contas", e o primeiro capítulo apresenta discursos que proferiu em sessões plenárias, como o da sua eleição em 29 de março de 2022, na sessão solene do 25 de Abril de 2022, na sessão solene por videoconferência com o Presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky, ou na sessão de solene de boas-vindas ao Presidente do Brasil, Lula da Silva.

Já o segundo capítulo inclui intervenções que Augusto Santos Silva proferiu em colóquios, conferências ou seminários, quer no parlamento, quer fora da Assembleia da República, em que abordou temas como "a ação do parlamento e a política externa portuguesa"; "o acompanhamento parlamentar da atividade dos operadores da justiça; ou "o português como língua global no século XXI".

A terceira e última parte do livro engloba discursos proferidos pelo ex-ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros em sessões de posse, caso dos presidentes dos conselhos Económico e Social ou Nacional de Eleições, ou Nacional de Educação, do Conselho dos Julgados de Paz, do Conselho de Fiscalização do Sistema de Informações da República Portuguesa ou do secretário-geral da Assembleia da República.

Leia Também: Só uma "vitória robusta" do PS garante governabilidade

Recomendados para si

;
Campo obrigatório