Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 27º

"Missão cumprida". Gatas que ficaram em Portugal entregues no Luxemburgo

Animais viajaram num avião da TAP após terem sido dadas como desaparecidas.

Notícias ao Minuto

23:48 - 11/12/23 por Notícias ao Minuto

País Gatos

Duas gatas que tinham desaparecido em Portugal foram, finalmente, devolvidas à sua dona, que vive em França.

O caso remonta ao verão deste ano, quando, segundo o Grupo Gatos Urbanos, Clara Pereira veio passar as férias a Esmoriz, no distrito de Aveiro, acompanhada pelos seus três gatos.

No fim das férias, um dos seus filhos ter-se-á comprometido a devolver os animais, de avião, posteriormente, num voo que partiria a 9 de agosto, mas tal nunca chegou a acontecer. A própria TAP esclareceu ao Notícias ao Minuto, na altura, que "nenhum gato foi confiado ou entregue à TAP para transporte no voo em questão".

Após vários dias a pedir informações, e tendo regressado a Portugal em busca dos animais, a mulher estava segura de que 'Guizmo', 'Mikette' e 'Choupinette' se tinham perdido no aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto.

O grupo, que partilhou a história num comunicado enviado às redações, entrou em ação nesse momento, contactando tanto o aeroporto como a TAP, e percebeu que, afinal, a promessa de envio dos gatos por parte dos filhos seria falsa.

"Apos vários apelos, dois ('Mikette' e 'Choupinette') dos três animais foram identificados e resgatados em Esmoriz, junto ao parque de campismo, e acolhidos por duas famílias, respetivamente", lê-se na nota, onde o grupo revelou que "reuniu entretanto as duas gatas e decidiu fazê-las chegar à sua dona, por ser uma pessoas doente cardíaca, por sofrer pela ausência dos seus animais e por estar sem recursos".

"Com a ajuda de muitas pessoas de boa vontade, na segunda-feira, 11 de dezembro, as duas gatas viajaram de Portugal para o Luxemburgo para serem entregues à sua dona", celebrou o grupo, realçando que está ainda a fazer "todos os esforços" para encontrar o gato mais idoso, 'Guizmo', com 13 anos de idade, e que as duas gatas seguiram depois para Nancy, em França, de carro, com a respetiva dona.

"A entrega das gatinhas à sua dona foi muito emocionante, com lagrimas de alegria depois de 3 meses de angustia. Missão cumprida. As gatinhas já estão em casa", conclui a nota.

Leia Também: Há 3 meses que 3 gatos estarão desaparecidos no aeroporto do Porto

Recomendados para si

;
Campo obrigatório