Meteorologia

  • 01 MARçO 2024
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 15º

50 anos da reunião de Óbidos do Movimento dos Capitães evocada hoje

A reunião conspirativa do Movimento dos Capitães realizada em Óbidos, em 01 de dezembro de 1973, na Casa da Música, é hoje evocada na vila numa iniciativa da Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril.

50 anos da reunião de Óbidos do Movimento dos Capitães evocada hoje
Notícias ao Minuto

07:29 - 01/12/23 por Lusa

País 25 de Abril

A reunião do Movimento dos Capitães juntou na vila medieval cerca de 180 oficiais, em representação de mais de 420, tendo sido considerada determinante quer para a organização do próprio movimento quer para os passos que levaram à revolução e ao derrube do regime ditatorial, em 25 de Abril de 1974.

Da reunião saíram decisões como o alargamento do Movimento dos Capitães a "todas as Forças Armadas" e a necessidade de "escolher um chefe", partindo de sugestões como os generais Costa Gomes e António Spínola.

Dali saiu ainda eleita a Comissão Coordenadora que funcionaria até à revolução, constituída por 19 oficiais da Infantaria, Artilharia, Cavalaria, Serviço de Material, Engenharia, Administração Militar e Transmissões.

O evento é hoje à tarde evocado numa cerimónia que contará com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, do Presidente da Associação 25 de Abril, Vasco Lourenço, e da Comissária Executiva da Comissão Comemorativa dos 50 anos do 25 de Abril, Maria Inácia Rezola.

Além do descerramento de placa evocativa a reunião de Óbidos será assinalada numa mesa redonda com José Piteira Santos, Vasco Lourenço e José Gonçalves Novo.

Leia Também: 25 Abril: Otávio Pinto preparou reunião convencido que era para "paródia"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório