Meteorologia

  • 25 FEVEREIRO 2024
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 18º

Matosinhos. PJ detém 3 jovens após raptarem homem e pedirem resgate

Homem ficou refém durante 37 horas.

Matosinhos. PJ detém 3 jovens após raptarem homem e pedirem resgate
Notícias ao Minuto

13:22 - 28/11/23 por Notícias ao Minuto

País Polícia Judiciária

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, em Matosinhos, três suspeitos indiciados pela prática dos crimes de rapto, roubo, extorsão e abuso de cartão de garantia ou de cartão, dispositivo ou dados de pagamento.

Os crimes ocorreram nas cidades de Vila do Conde, Póvoa de Varzim e Porto, nos dias 26 e 27 de novembro. 

Os suspeitos, com com idades entre os 17 e 21 anos de idade, abordaram um casal de amigos, a quem extorquiram dinheiro. Depois, raptaram o homem e pediram resgate a um amigo. 

Segundo comunicado da PJ a que o Notícias ao Minuto teve acesso, no dia 26 de novembro, cerca das 3h00 da manhã, os arguidos abordaram a vítima na via pública, em Vila do Conde, "quando esta se encontrava no interior do seu carro à espera de uma amiga".

Após esta chegar, obrigaram-na também a entrar para o carro tendo-se dirigido para a cidade do Porto onde adquiriram droga em vários bairros da cidade.

"Depois de se terem apoderado de algum dinheiro e bens que as vítimas possuíam, tentaram proceder a levantamentos em numerário em caixas ATM, sem, todavia, o conseguirem, logrando apenas fazer uma transferência por MBWAY", pode ler-se. 

Depois, libertaram a mulher, mantendo o homem refém no interior de duas casas situadas na zona da Póvoa de Varzim.

De seguida, contactaram através das redes sociais um amigo da vítima a quem exigiram o pagamento de uma determinada quantia em numerário. O dinheiro foi transferido para uma conta de um dos arguidos e, segundo a PJ, o ofendido ficou "privado da sua liberdade ambulatória", durante um período de cerca de 37 horas, tendo sido libertado apenas após a abordagem e detenção dos suspeitos.

Os detidos vão ser presentes à autoridade judiciária para interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação, refere por fim a missiva. 

Leia Também: Cruz Vermelha Portuguesa, IPDJ e Instituto Ricardo Jorge alvo de buscas

Recomendados para si

;
Campo obrigatório