Meteorologia

  • 12 JUNHO 2024
Tempo
17º
MIN 15º MÁX 23º

Faro e sul da Madeira sob aviso por calor (antes de temperaturas caírem)

O distritos de Faro e a costa sul da Madeira estão hoje sob aviso laranja devido ao tempo quente, mas as temperaturas vão começar a descer e em algumas zonas na ordem dos 10 graus Celsius, segundo o IPMA.

Faro e sul da Madeira sob aviso por calor (antes de temperaturas caírem)
Notícias ao Minuto

07:34 - 25/08/23 por Lusa

País IPMA

O aviso laranja para Faro e a costa sul da Madeira vai estar em vigor até às 23h00 de hoje, passando depois a amarelo até às 23h00 de sábado.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu ainda aviso amarelo para os distritos de Évora, Setúbal, Beja, Castelo Branco e Portalegre até às 23h00 de hoje devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima.

Também a costa norte e regiões montanhosas da ilha da Madeira e o Porto Santo estão sob aviso amarelo até às 23h00 de sábado.

O aviso laranja indica situação meteorológica de risco moderado a elevado e o amarelo é emitido sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

O IPMA prevê, de acordo com informação disponível no 'site', que as temperaturas comecem a descer de forma generalizada a partir de hoje, "atingindo valores normais para a época do ano no fim de semana".

Em declarações à Lusa na terça-feira, a meteorologista do IPMA, Ângela Lourenço disse que a "situação iria melhorando gradualmente.

"As temperaturas vão começar a descer, gradualmente, e prevê-se que as temperaturas fiquem mais próximas daquilo que é normal para a época do ano, com cada vez menos distritos com aviso", declarou Ângela Lourenço.

No fim de semana em Portugal continental são esperadas já temperaturas máximas a oscilar entre os 22 graus Celsius (em Viana do Castelo e Guarda) e os 33 em Faro.

O continente esteve desde a semana passada com tempo quente, que levou à emissão de aviso vermelho para alguns distritos.

A subida de temperatura esteve relacionada com "uma crista anticiclónica que se estendeu desde os Açores até à Europa Central, promovendo o transporte de uma massa de ar quente e seco com origem no norte de África sobre o território do continente".

Terça e quarta-feira foram, respetivamente, o quinto e sexto mais quentes dos últimos 15 anos em Portugal continental, com sete estações a ultrapassarem máximos históricos de temperatura,

Entre os valores mais elevados de temperatura máxima, na terça-feira Alvega (Abrantes, Santarém) e Pinhão (Alijó, Vila Real), destacaram-se com 45,6 graus enquanto na quarta-feira, Alvega atingiu 45,0 e Pinhão 44,8.

Leia Também: Mais de 100 concelhos de 13 distritos em perigo máximo de incêndio

Recomendados para si

;
Campo obrigatório