Meteorologia

  • 12 ABRIL 2024
Tempo
22º
MIN 15º MÁX 27º

Apicultores manifestam-se em Évora contra "insensibilidade" do Governo

A federação de apicultura critica a falta de apoios pelo Ministério da Agricultura, apesar do impacto severo da seca no setor.

Apicultores manifestam-se em Évora contra "insensibilidade" do Governo
Notícias ao Minuto

22:01 - 21/06/23 por Notícias ao Minuto

País Apicultura

A Federação Nacional de Apicultores Portugueses (FNAP) anunciou que irá realizar-se uma manifestação na quinta-feira, em Évora, aproveitando a reunião do Conselho de Ministros para contestar contra a "insensibilidade e a falta de resposta do Ministério da Agricultura perante a pior crise que o setor apícola português atravessa em 40 anos".

A indústria da apicultura há muito que tem vindo a criticar aos apoios e resposta do Governo à seca, que tem atingido todo o setor alimentar e, em particular, a produção de mel.

Em comunicado, a FNAP explicou que a seca que o país tem vivido "conduziu a uma quebra na produção de mel em todo o país".

"As estimativas são de que a produção diminua 80% relativamente a um ano normal. A seca extrema e prolongada coloca em risco de sobrevivência as colmeias, que terão de ser alimentadas pelos apicultores durante o resto do ano", salientou a federação.

Os apicultores dizem estar a ser "esquecidos" pelo Ministério da Agricultura, liderado por Maria do Céu Antunes. Para a FNAP, "apesar da apicultura ser um setor económico com grande importância social, económica e ambiental para o país, especialmente para as zonas rurais, Portugal não apoia os apicultores de forma direta, excluindo-os dos apoios existentes noutros países da União Europeia".

O sindicato referiu ainda que o aumento dos custos de produção em todo o mundo, especialmente nos combustíveis, nos alimentos e nos medicamentos veterinários para as abelhas, resultou num aumento da despesa em 25%.

"De Setembro de 2020 a Setembro de 2022, Portugal perdeu 90.000 colmeias de abelhas (12% do efetivo nacional) e a perspetiva para 2023 é que a mortalidade possa duplicar, sem que os apicultores tivessem visto um gesto, ou uma medida por parte do Ministério da Agricultura a favor do setor", rematou a FNAP.

Na quinta-feira, no âmbito da iniciativa 'Governo + Próximo', o Conselho de Ministros irá reunir em Évora, com os diferentes ministros a realizarem uma série de visitas e de iniciativas pela região. Esta quarta-feira, o primeiro-ministro visitou as obras do novo Hospital Central do Alentejo.

Leia Também: Apicultores estimam quebras na produção de mel e lamentam falta de apoios

Recomendados para si

;
Campo obrigatório