Meteorologia

  • 23 JUNHO 2024
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 29º

José Luís Carneiro defende novas atitudes no desporto (incluindo juvenil)

O ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, considerou hoje importante mudanças nas atitudes e comportamentos no desporto, e deu o exemplo do desporto juvenil, onde há manifestações de violência.

José Luís Carneiro defende novas atitudes no desporto (incluindo juvenil)
Notícias ao Minuto

19:22 - 04/02/23 por Lusa

País Administração Interna

A propósito da detenção recente de adeptos do Benfica e do Sporting o ministro, que falava aos jornalistas em Macedo de Cavaleiros, onde participou na cerimónia dos 100 anos da associação dos bombeiros, referiu que a violência no desporto, longe do grande público, "deve merecer uma atenção de toda a sociedade".

"Na medida em que, como se tem observado, nomeadamente nos campeonatos de nível regional ou sub-regional, há manifestações de violência, por vezes com adolescentes e jovens", justificou o ministro, em declarações aos jornalistas em Macedo de Cavaleiros.

José Luís Carneiro lembrou que está na Assembleia da República um pacote de medidas aprovadas pelo Governo no mês passado, para reprimir "comportamentos inaceitáveis" no desporto e para que os que vão ao futebol o façam de forma segura, porque a linguagem do futebol "deve ser de inclusão e nunca uma linguagem de agressão e de violência", disse.

"Como se sabe, podemos mesmo apresentar uma iniciativa também do ponto de vista legislativo para voltar a criminalizar o uso de engenhos e de artefactos pirotécnicos, porque como se tem visto aí está uma das causas de grande insegurança dos próprios espaços desportivos", afirmou.

Oito dos 13 adeptos do Benfica detidos numa operação realizada pela PSP, em Lisboa, ficam em prisão preventiva, segundo as medidas de coação conhecidas hoje no Campus da Justiça, anunciaram advogados dos arguidos.

Este grupo de adeptos faz parte dos 30 detidos numa operação da PSP junto de grupos de adeptos 'casuals' do Sporting e do Benfica, indiciados por ofensa à integridade física agravada, roubo, coação, receção de imagens proibidas e envolvimento numa alegada violação de um jovem de 16 anos.

Leia Também: Agressão em Olhão. MAI diz que estão identificados "alguns suspeitos"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório