Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 27º

Alcântara. 400 pessoas revistadas e estabelecimento fechado pela ASAE

Foi visado um estabelecimento de diversão, onde têm ocorrido algumas desordens.

Alcântara. 400 pessoas revistadas e estabelecimento fechado pela ASAE
Notícias ao Minuto

08:38 - 04/02/23 por Notícias ao Minuto com Lusa

País Lisboa

O Comando Metropolitano da Polícia de Segurança Pública (PSP) de Lisboa, na madrugada do dia 4 de fevereiro, realizou uma operação no âmbito do combate à violência em zonas de diversão noturna.

Segundo comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso, nesta operação, realizada na zona de Alcântara, "foi visado um estabelecimento de diversão, onde têm ocorrido algumas desordens, ocorrências que levaram a PSP, através da sua vertente de investigação criminal, a desencadear diligências de investigação que culminaram agora no cumprimento de um mandado de busca ao estabelecimento", pode ler-se. 

Segundo a Lusa, trata-se da discoteca Cristal, localizada na referida zona. 

Durante as buscas, foram abordadas e revistadas cerca de 400 pessoas que se encontravam no interior do estabelecimento e apreendidas "pequenas quantidades de estupefacientes, nomeadamente haxixe heroína e ecstasy".

Além disso, foram levantados um auto de contraordenação por parte da Autoridade Tributária (AT) por falta de emissão de fatura, um por falta de controlo de acessos/contabilização de pessoas no interior, e um auto de contraordenação por falta de condições de higiene no trabalho, que motivou a suspensão de atividade até nova fiscalização por parte da Autoridade de Saúde Alimentar e Económica (ASAE).

Segundo a PSP, estas operações, além da recolha de prova no âmbito do respetivo processo crime, "visam também o cumprimento das normas sobre o funcionamento e atividade dos estabelecimentos de diversão noturna, mas sobretudo prevenir e combater os fenómenos de violência no contexto de diversão noturna e fomentar o sentimento de segurança junto daqueles que frequentam estes estabelecimentos para diversão".

A operação levada a cabo pela 4.ª Divisão Policial e pela Divisão de Investigação Criminal, apoiadas pela Divisão de Trânsito, Núcleo de Segurança Privada e várias valências da Unidade Especial de Policia da PSP,  teve ainda a colaboração e apoio do Serviço de Estrangeiros e fronteiras (SEF), Autoridade Tributária (AT), e da Autoridade de Saúde Alimentar e Económica (ASAE), revela por fim a missiva. 

[Notícia atualizada às 09h39]

Leia Também: Grupo detido por burlas e crime económico conhece medidas na 3.ª-feira

Recomendados para si

;
Campo obrigatório