Meteorologia

  • 28 JANEIRO 2023
Tempo
MIN 4º MÁX 11º

Morreu diretor do jornal Defesa de Espinho, Lúcio Correia, aos 62 anos

O diretor do jornal Defesa de Espinho, Lúcio Alberto Correia, morreu hoje aos 62 anos, em Vila Nova de Gaia, na sequência de complicações de saúde inesperadas, disse à agência Lusa fonte ligada ao periódico.

Morreu diretor do jornal Defesa de Espinho, Lúcio Correia, aos 62 anos
Notícias ao Minuto

23:58 - 03/12/22 por Lusa

País Óbito

De acordo com Rui Alas Pereira, jornalista e amigo de Lúcio Alberto Correia, a morte ocorreu ao fim da tarde no Hospital Santos Silva, em Vila Nova de Gaia.

Nascido a 19 de fevereiro de 1960, Lúcio Correia era diretor do jornal Defesa de Espinho, no distrito de Aveiro, há mais de vinte anos, segundo a mesma fonte.

Com uma carreira de 35 anos no jornalismo, Lúcio Correia começou no jornal O Comércio do Porto, na década de 1980, ainda na Avenida dos Aliados, e passou pelo jornal O Primeiro de Janeiro e pel'O Norte Desportivo, entre outras publicações com as quais colaborou.

Fundado em 1932, por Benjamim da Costa Dias, o jornal Defesa de Espinho tem difusão na região e no estrangeiro, junto das comunidades portuguesas originárias daquela cidade.

Leia Também: Morreu Jill Jolliffe, jornalista que testemunhou invasão indonésia de Timor

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório