Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 8º MÁX 19º

Abusos? "Há um setor da Igreja Católica que quer manter os segredos"

Coordenador da comissão independente que estuda os abusos sexuais de menores na Igreja Católica revela quais as motivações que levam as vítimas a falar.

Abusos? "Há um setor da Igreja Católica que quer manter os segredos"
Notícias ao Minuto

23:50 - 24/08/22 por Notícias ao Minuto

País Pedro Strecht

O médico pedopsiquiatra Pedro Strecht, que coordenou a comissão independente que estuda os abusos sexuais de menores ao longo das últimas décadas na Igreja Católica, revelou, esta quarta-feira, em entrevista na RTP3, que as vítimas "esperam um pedido de perdão da Igreja e dos abusadores em especial". 

Mais do que justiça, Pedro Strecht afirma que o que é "extremamente tocante" para todos os membros da comissão, é que o que motiva as pessoas é "poderem falar, serem ouvidas, compreendidas e o seu sofrimento ser aceite, no sentido em que percebem que podemos acreditar no que nos dizem". 

A segunda motivação das vítimas para denunciaram as suas histórias é "esperarem ou querem desculpa, um pedido de perdão da Igreja, é o que predomina, e dos abusadores em especial". 

O coordenador da comissão indica que, apesar de terem sofrido abusos por parte de membros da Igreja, as pessoas sabem distinguir os abusadores da Igreja, da "estrutura em si". 

"Houve encobrimento da hierarquia católica em Portugal"

Ainda assim, admitiu que há, dentro da instituição, quem tenha interesse em manter os casos em segredo. "Percebemos bem que há um setor da Igreja Católica que quer manter os segredos", disse, confirmando que "houve encobrimento da hierarquia católica em Portugal".

Sobre os abusadores, Pedro Strecht adiantou, ainda, que "tudo indica que tem havido deslocações dos abusos de dentro para fora da Igreja", mencionando casos em grupos de escuteiros e, até, escolas.

Sobre a resposta da Justiça a estes casos, o pedopsiquiatra apela a que "temos de ser realistas". "Será extremamente difícil esperarmos respostas espetaculares da justiça", apontou indicando que muitos dos casos já se encontram prescritos o que impossibilita os mesmos de serem julgados.

Lista de contactos da Comissão Independente (CI) para o Estudo de Abusos Sexuais de Crianças na Igreja Católica Portuguesa:

  • Preenchendo o questionário online, acessível aqui
  • Contacto através do telefone +351 91 711 00 00
  • Contacto através do email [email protected]
  • Através de correspondência escrita. Morada aqui: CE COMISSÃO INDEPENDENTE, APARTADO 012079, EC PICOAS – LISBOA, 1061 – 011 LISBOA
  • Através de um encontro presencial com membros da Comissão, mediante marcação prévia através do telefone +351 91 711 00 00

Se quiser informar-se e conhecer mais sobre o projeto 'dar voz ao silêncio', pode clicar aqui.

Leia Também: MP já arquivou quatro denúncias de abusos sexuais na Igreja

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório