Meteorologia

  • 05 FEVEREIRO 2023
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 18º

Pandemia, guerra e pobreza marcam encontro da Pastoral Social em Fátima

A pandemia, a guerra e os pobres são os três eixos que marcarão os trabalhos do 34.º Encontro da Pastoral Social, a decorrer em Fátima de 17 a 19 de outubro, após dois anos de interregno devido à pandemia.

Pandemia, guerra e pobreza marcam encontro da Pastoral Social em Fátima

Organizado pela Comissão Nacional da Pastoral da Saúde, departamento do Secretariado Nacional da Pastoral Social, este encontro decorre numa altura fortemente marcada pela guerra na Ucrânia e com os efeitos da pandemia de covid-19 ainda a fazerem-se sentir.

O encontro, segundo o padre José Manuel Pereira de Almeida, diretor do Secretariado Nacional da Pastoral Social, é realizado na continuação das recentes Jornadas Sociais Europeias 2022, que decorreram em junho em Bratislava, na Eslováquia, e que foram consideradas um "verdadeiro processo de sinodalidade" pelo cardeal Jean-Claude Hollerich, arcebispo do Luxemburgo e presidente da COMECE -- Comissão dos Episcopados Católicos da União Europeia.

"Linhas de Pobreza e exclusão em Portugal", por Nuno Alves, da Cáritas Portuguesa, é o tema da conferência de abertura, no dia 17, cabendo o encerramento, no dia 19, a Inês Espada Vieira, da Universidade Católica Portuguesa, com a abordagem à questão "O que faz uma fronteira".

Nos três dias de trabalhos, os participantes no encontro terão oportunidade de debater as diversas "leituras da realidade", com incursões pelos temas da pandemia, da guerra, das pessoas em situação de vulnerabilidade ou das transições demográfica, ecológica e digital.

O segundo dia do encontro ficará também marcado pela conferência "Para uma hermenêutica do social a partir da experiência cristã", a cargo de José Manuel Pereira de Almeida, enquanto no último dia terá lugar também um debate sobre as perspetivas sociais na Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023, que decorrerá na capital portuguesa de 1 a 6 de agosto de 2023.

Os trabalhos serão abertos pelos bispos José Ornelas e José Traquina, respetivamente presidentes da Conferência Episcopal Portuguesa e da Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana.

Leia Também: Portugal. Georgina Rodríguez no Santuário de Fátima

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório